X

As 8 melhores questões sobre o livro Mensagem [com gabarito]

As 8 melhores questões sobre o livro Mensagem de Fernando Pessoa

O livro Mensagem foi publicado em 1934. A obra é composta por 44 poemas que tratam sobre a história de Portugal, trazendo temas como as expansões marítimas e heróis lendários do país. Neste artigo, você entenderá mais sobre o autor Fernando Pessoa e sua obra, além de conferir as melhores questões sobre o livro Mensagem (com gabarito)!

Vá diretamente para o seu assunto de interesse clicando em um dos tópico a seguir:

Para mais exercícios de literatura, faça o nosso Simulado Enem do Beduka. É gratuito!

Quem foi Fernando Pessoa?

Fernando Pessoa nasceu em 1888 em Lisboa, Portugal. Destacou-se como um dos mais importantes poetas portugueses de seu tempo.

O autor é responsável por uma vasta obra, mesmo que tenha publicado em vida somente 4 livros, sendo um deles o livro Mensagem.

Sua poesia é marcada por lirismo e subjetividade, voltada para a meta linguística. Pessoa escrevia sobre diversas temáticas, mas é sempre lembrado por relatar sobre sua terra natal, Portugal.

Uma das características mais marcantes sobre a obra de Fernando Pessoa foram os heterônimos criados pelo poeta. 

Os heterônimos nada mais são do que personagens criados pelo autor para assinar suas obras. Esses personagens possuíam vida, data de nascimento, morte, personalidades, estilos literários e até mesmo mapas astrais próprios!

Os heterônimos mais importantes de Fernando Pessoa são:

  • Ricardo Reis;
  • Álvaro de Campos;
  • Alberto Caeiro;
  • Bernardo Soares.

Depois de conhecer um pouco mais sobre Fernando Pessoa, confira a seguir um resumo para entender mais sobre a obra e resolver as questões sobre o livro Mensagem da melhor forma!

Resumo do livro Mensagem

Mensagem é um livro de poemas do escritor Fernando Pessoa. Foi publicado em 1934 e é considerada uma obra do modernismo de Portugal.

Entre suas principais características, destacam-se o nacionalismo, onde o eu lírico ressalta o heroísmo e a grandeza de Portugal.

Esse patriotismo diz respeito ao contexto histórico em que o livro foi escrito – o período entreguerras (fim da Primeira Guerra Mundial em 1918 e Início da Segunda Guerra em 1939).

A obra Mensagem é dividida em três partes: 

  1. “Brasão”
  2. “Mar português”
  3. “O encoberto”

Entenda cada uma das partes a seguir:

Primeira parte: “Brasão”

Essa primeira parte do livro Mensagem apresenta personagens e acontecimentos da história das origens de Portugal. 

Algumas das figuras históricas retratadas pelos poemas são: Viriato, D. João I, D. Pedro, D. Sebastião, Nuno Álvares Pereira, D. Henrique, D. João II, Afonso de Albuquerque, entre outros.

Segunda parte: “Mar portugûes”

Nessa parte da obra, Fernando Pessoa retrata personagens e fatos históricos referentes às conquistas marítimas de Portugal.

Nela, está um dos poemas mais famosos do autor, “Mar português”, e sua célebre frase: “Valeu a pena? Tudo vale a pena se a alma não é pequena”.

Além disso, o poema “Mar português” é um dos mais abordados em questões sobre o livro Mensagem, como você verá adiante.

Terceira parte: “O encoberto”

Na terceira e última parte do livro Mensagem, o eu lírico foca em uma das figuras históricas que já haviam sido abordadas na primeira parte: a figura lendária de D. Sebastião e o quinto império.

Confira nosso resumo completo sobre a formação de Portugal para entender mais sobre as figuras históricas do livro Mensagem!

Questões sobre o livro Mensagem

Questão 1 –  (MACKENZIE)  

O poeta ligado ao sentimento nacionalista que tomou conta de Portugal em meio às crises do primeiro período republicano, responsável por MENSAGEM, obra que retomou a formação de sua pátria, a identificação com o mar, o sonho de um império grande e forte foi:

a) Alberto Caeiro.

b) Ricardo Reis.

c) Mário de Sá-Carneiro.

d) Fernando Pessoa ele-mesmo.

e) Álvaro de Campos.

Questão 2 –  (FUVEST

A leitura de “Mensagem”, de Fernando Pessoa, permite a identificação de certas linhas de força que guiam e, até certo ponto, singularizam o espírito do homem português, dando-lhe marca muito especial.

Dentre as alternativas a seguir, em qual se enquadraria melhor essa ideia?

a) Preocupação com os destinos de Portugal do século vinte.

b) Preocupação com a história político-social de Portugal.

c) Recorrência de certas constantes culturais portuguesas, como o messianismo.

d) Reordenação da história portuguesa desde Dom Sebastião.

e) A marca da religião católica na alma portuguesa como força determinante.

Questão 3 –  (UFRGS

Assinale a alternativa correta sobre Mensagem, de Fernando Pessoa.

a) Mensagem traz as marcas da vanguarda sensacionista, na medida em que busca articular a história de Portugal ao mito, em um mesmo poema.

b) A imagem do mar expressa simbolicamente a busca do infinito, que poderia apaziguar as almas atormentadas de Fernando Pessoa e de seus heterônimos.

c) Fernando Pessoa, nessa obra publicada em vida, deu voz a seus heterônimos para expor uma visão poética e múltipla sobre a história portuguesa.

d) Dom Sebastião é uma figura central para compreender Mensagem e a expectativa de uma possível redenção de Portugal.

e) Os heróis da navegação portuguesa, símbolos do processo civilizacional, cristão, levado aos povos colonizados, são euforicamente celebrados em Mensagem.

Questão 4 – (UNESP)

Ó mar salgado, quanto do teu sal

São lágrimas de Portugal!

Por te cruzarmos, quantas mães choraram,

Quantos filhos em vão rezaram!

Quantas noivas ficaram por casar

Para que fosses nosso, ó mar!

Valeu a pena? Tudo vale a pena

Se a alma não é pequena.

Quem quer passar além do Bojador

Tem que passar além da dor.

Deus ao mar o perigo e o abismo deu,

Mas nele é que espelhou o céu.

(Fernando Pessoa. Mar Português. Obra poética, 1960. Adaptado.)

Entre outros aspectos da expansão marítima portuguesa a partir do século XV, o poema menciona

a) o sucesso da empreitada, que transformou Portugal na principal potência europeia por quatro séculos.

b) o reconhecimento do papel determinante da Coroa no estímulo às navegações e no apoio financeiro aos familiares dos navegadores.

c) a crença religiosa como principal motor das navegações, o que justifica o reconhecimento da grandeza da alma dos portugueses.

d) a percepção das perdas e dos ganhos individuais e coletivos provocados pelas navegações e pelos riscos que elas comportavam.

e) a dificuldade dos navegadores de reconhecer as diferenças entre os oceanos, que os levou a confundir a América com as Índias.

Você está na metade do nosso post sobre as questões sobre o livro Mensagem, não deixe de conferir o gabarito no final!

Questão 5 –  (PUC-SP)

“Quem quer passar além do Bojador, tem que passar além da dor. Deus ao mar o perigo e o abismo deu, Mas nele é que espelhou o céu.”

“Fernando Pessoa, “Mar Português” in Obra poética. Ria de Janeiro, Editora José Aguilar, 1960, p 19

O trecho de Fernando Pessoa fala da expansão marítima portuguesa. Para entendê-lo, devemos saber que:

a) ”Bojador” é o ponto ao extremo sul da África e atravessá-lo significava encontrar o caminho para o Oriente.

b) a “dor” representa as doenças, desconhecidas dos europeus, mas existentes nas terras a serem conquistadas pelas expedições.

c) o “abismo” refere-se à crença, então generalizada, de que a Terra era plana e que, num determinado ponto, acabaria, fazendo caírem os navios.

d) menção a “Deus” indica a suposição, à época, e que o Criador era contrário ao desbravamento dos mares e que puniria os navegadores.

e) o “mar” citado é o Oceano Índico, onde estão localizadas as Índias, objetivo principal dos navegadores.

Questão 6 – (FUVEST)

“Louco, sim porque quis grandeza

Qual a sorte a não dá.

Não coube em mim minha certeza;

Por isso onde o areal está

Ficou meu ser que houve, não o que há.”

“Sperai! Caí no areal e na hora adversa

Que Deus concede aos seus

Para o intervalo em que esteja a alma imersa

Em sonhos que são Deus”.

“Mestre de Paz, ergue teu gládio ungido;

Excalibur do Fim em jeito tal

Que sua luz ao mundo dividido

Revele o Santo Gral ”

Estas três citações de Fernando Pessoa pertencem à mesma obra e referem-se à mesma personagem histórica de Portugal cujo mito, como se vê, o poeta associa à figura lendária do rei Artur. Assinalar a alternativa em que, ao título da obra, segue-se o da personagem histórica que virou mito e alimentou o sonho do quinto império:

a) “Cancioneiro” – D. Dinis;

b) “Mensagem” – D. Sebastião;

c) “O guardador de rebanhos” – Pe. Vieira;

d) “Cancioneiro” – D. João I, o mestre de Avis;

e) “Mensagem” – D. Dinis.

Questão 7 –  (MACKENZIE)

“Deus quere, o homem sonha, a obra nasce.

Deus quis que a terra fosse toda uma,

Que o mar unisse, já não separasse.

Sagrou-te, e foste desvendando a espuma.

E a orla branca foi de ilha em continente,

Clareou, correndo, até ao fim do mundo,

E viu-se a terra inteira, de repente,

Surgir, redonda, do azul profundo.

Quem te sagrou creou-te portuguez.

Do mar e nós em ti nos deu signal.

Cumpriu-se o Mar, e o Império se desfez.

Senhor, falta cumprir-se Portugal!”

O texto anterior faz parte:

a) do “Cancioneiro Geral”, de Garcia de Resende, onde se encontra boa parte da produção poética medieval portuguesa.

b) de “Os Lusíadas”, de Luís de Camões, obra que enaltece o povo português e seus extraordinários feitos marítimos.

c) de “Mensagem”, de Fernando Pessoa, que, com tom visionário e nacionalista, refere-se às grandes navegações e à recuperação do passado português.

d) de um auto vicentino, o qual critica a sociedade portuguesa de sua época, em tom pessimista e desiludido.

e) de um poema de Bocage, pois evidencia os aspectos pré-românticos, que são a principal característica de sua obra poética.

Questão 8 –  (UEL

A questão refere-se a uma estrofe, transcrita abaixo, do poema de Fernando Pessoa.

MAR PORTUGUÊS

Ó mar salgado, quanto do teu sal

São lágrimas de Portugal!

Por te cruzarmos, quantas mães choraram,

Quantos filhos em vão rezaram!

Quantas noivas ficaram por casar

Para que fosses nosso, ó mar!

Valeu a pena? Tudo vale a pena

Se a alma não é pequena.

Quem quer passar além do Bojador

Tem que passar além da dor.

Deus ao mar o perigo e o abismo deu,

Mas nele é que espelhou o céu.

Fonte: PESSOA, F. Mensagem. In: Mensagem e outros poemas afins seguidos de Fernando Pessoa e ideia de Portugal. Mem Martins: Europa-América [19-].

Com base no texto e nos conhecimentos sobre o tema, a frase Tudo vale a pena quando a alma não é pequena remete a:

a) Se o objetivo é a grandeza da pátria, não importam os sacrifícios impostos a todos.

b) Quando o resultado leva à paz, os meios justificam a finalidade almejada.

c) Todas as pessoas têm valores próprios, por isso a guerra é defendida pelos governantes.

d) O sacrifício é compensador mesmo que fiquemos insensíveis diante do bem comum.

e) Tudo vale a pena quando temos o que almejamos e isso não implique enfrentamento de perigos.

Gabarito das questões sobre o livro Mensagem

Exercício resolvido questão 1 – 

Alternativa correta: d) Fernando Pessoa ele-mesmo.

Exercício resolvido questão 2 – 

Alternativa correta: c) Recorrência de certas constantes culturais portuguesas, como o messianismo.

Exercício resolvido questão 3 – 

Alternativa correta: d) Dom Sebastião é uma figura central para compreender Mensagem e a expectativa de uma possível redenção de Portugal.

Exercício resolvido questão 4 – 

Alternativa correta: d) a percepção das perdas e dos ganhos individuais e coletivos provocados pelas navegações e pelos riscos que elas comportavam.

Exercício resolvido questão 5 – 

Alternativa correta: c) o “abismo” refere-se à crença, então generalizada, de que a Terra era plana e que, num determinado ponto, acabaria, fazendo caírem os navios.

Exercício resolvido questão 6 – 

Alternativa correta: b) “Mensagem” – D. Sebastião;

Exercício resolvido questão 7 – 

Alternativa correta: c) de “Mensagem”, de Fernando Pessoa, que, com tom visionário e nacionalista, refere-se às grandes navegações e à recuperação do passado português.

Exercício resolvido questão 8 – 

Alternativa correta: a) Se o objetivo é a grandeza da pátria, não importam os sacrifícios impostos a todos.

Esperamos ter ajudado com a nossa seleção das melhores questões sobre o livro Mensagem de Fernando Pessoa!

Entre na faculdade com o Beduka!

Quer estudar em uma excelente faculdade mas não quer ficar meses se preparando para passar no vestibular?

Conheça o Beduka Bolsas! Na plataforma do Beduka Bolsas você compra uma bolsa de estudos de até 65% de desconto na mensalidade.

Isso mesmo! É a sua oportunidade de fazer um curso superior pagando pouco!

Confira nosso Pinterest e Instagram, nessas redes você encontra resumos sobre todos os assuntos que caem no Enem e demais Vestibulares!
Obrigada por ler até aqui.

Categorias: Exercícios
Redação Beduka: