X

O que foi o período Belle Époque? Conheça as principais características e inovações realizadas nele

O que foi o período Belle Époque?

Entre 1871 e 1914 o mundo ocidental viveu um período de relativa paz entre as nações, que foi encerrado pela Primeira Guerra Mundial. Ele ficou conhecido como Belle Époque.

Foi um momento de grande progresso material e desenvolvimento cultural, com avanços técnicos como a invenção do telefone, do rádio e do cinema. Porém, com uma face mais complexa na qual as relações sociais eram mais tensas.

Entenda o que foi o período Belle Époque e tudo o que aconteceu nele nas diversas esferas da vida.

Se você quiser ir diretamente para alguma parte do texto, clique em um dos tópicos abaixo:

Acesse o Simulado Enem do Beduka e teste seus conhecimentos com questões de edições antigas do exame sobre história e Belle Époque. É gratuito!

O que foi o período Belle Époque?

A Belle Époque foi o período de 40 anos entre a Guerra Franco-Prussiana (1871) e a Primeira Guerra Mundial (1914). Durante o período, o Ocidente teve bastante progresso material e desenvolvimento cultural cujos maiores exemplos estavam na França.

Desde o final do século XVIII e meados do XIX a Europa passava por uma série de inovações técnicas. Foi neste período que as primeiras indústrias surgiram, assim como os relógios mecânicos de bolso, a locomotiva, o navio a vapor etc.

A Belle Époque colheu e explorou ainda mais essas inovações, avançando na modernização. Isso não ficou restrito à técnica industrial, mas passou para diversos campos, como a arte e a política.

Assim, algumas formas de pintura, como o Academicismo, foram substituídas pelo Impressionismo. Os heróis foram substituídos pelas paisagens, tanto urbanas quanto rurais. A Literatura tentou ser mais realista e descritiva e menos moralmente apelativa.

No campo político, a relativa paz no continente e o desenvolvimento do capitalismo gerou a formação dos impérios, que levavam capitais para colônias na África e na Ásia, criando condições para a exploração desses lugares.

As cidades se tornavam maiores e cheias de recursos para divertimentos públicos. A arquitetura foi planejada e as ruas alargadas, permitindo mais mobilidade, mas também houve um maior controle sobre possíveis manifestações, como as que aconteceram durante a Comuna de Paris. A cidade foi reformada para evitar barricadas.

Foi durante a Belle Époque que o carro foi inventado, como também a bicicleta, o avião, o telégrafo, o telefone, o cinema e a luz elétrica. Enfim, houve um progresso técnico muito grande.

Para entender o que foi o período Belle Époque brasileiro leia nosso texto sobre a República Velha.

Características da Belle Époque

Para entender melhor o que foi o período Belle Époque, vamos ver suas características.

Um dos pontos marcantes foi a vida boêmia, da qual os artistas foram os principais representantes, inclusive no Brasil. Os poetas passeavam pela Rua do Ouvidor, no Rio de Janeiro, levando um estilo de vida cada vez mais livre, regado a bebida, diversão e rebeldia.

A arquitetura típica da época é da Art Nouveau (arte nova em francês), que modernizou aspectos de estilos antigos, como o Barroco.

A impressão de livros foi barateada no período da Belle Époque, o que aumentou a produção e as vendas deste artigo. Assim, as ideias puderam circular com mais rapidez, o que foi ainda mais facilitado graças ao telégrafo, o telefone e os jornais.

O teatro se popularizou e foi até mesmo utilizado como plataforma política, principalmente no Brasil e na Espanha. A campanha pela abolição da escravidão nos dois países contou com peças e discursos feitos no palco.

Com todas as invenções técnicas, o mundo se tornou mais unido. É no período Belle Époque que temos o começo da Globalização da forma como conhecemos.

O que foi a outra face do período Belle Époque?

As pessoas que viveram a Belle Époque não lhe deram esse nome. Foram os sobreviventes da Primeira Guerra Mundial que o fizeram, valorizando mais os aspectos positivos que os negativos, com saudades do que tinham antes da destruição do conflito.

O Imperialismo que vigorou no período era extremamente excludente, flertando com práticas contrárias aos Direitos Humanos, como a escravidão.

Além disso, os exércitos nacionais eram usados mais para desmobilizar manifestações de trabalhadores do que em conflitos no continente. Então, para algumas pessoas, o período tido como “a bela época” foi apenas mais um de dificuldades e lutas.

Para entender melhor o que foi o período Belle Époque, conheça as fases da Revolução Industrial.

Belle Époque e fim de século

Apesar de todas as inovações e desenvolvimento durante a Belle Époque, ela ficou marcada também por um discurso pessimista de decadência, conhecido como fin-de-siècle (fim de século, em francês).

Para uma boa parte das pessoas, a sociedade estava decaindo em termos morais e espirituais, mesmo que avançasse materialmente. Os pobres tinham peças de roupa que muitos antepassados seus não puderam ter, mas ao mesmo tempo o crime bárbaro crescia.

Isso era visto até mesmo na política.

No Brasil, a ideia de decadência foi importada de Portugal, onde ela transmitia a situação de atraso do país e a necessidade de modernização imitando as nações centrais da Europa. Isso seria feito pela queda das instituições que dominavam o cenário até então, como a monarquia, a Igreja Católica e o romantismo.

Isso gerou o movimento republicano, que articulou um golpe em 1889 e proclamou a república no Brasil, separando-a da Igreja.

A Proclamação da República e tudo que envolve o movimento são temas muito presentes no Enem.

O Beduka tem um Simulado Enem gratuito e ele serve para ajudar os estudantes a praticar com questões do próprio Enem e nota calculada via TRI. 

Se quiser testar os conhecimentos que aprendeu nesse artigo, você pode montar um simulado personalizado só com questões de história. Será um ótimo treino!

Esperamos que tenha entendido o que foi o período Belle Époque. Bons estudos!

Categorias: História
Redação Beduka: