Geografia

O que é continentalidade? Saiba quais são as principais características e os efeitos deste fator climático

O que é continentalidadeO que é continentalidade?
Mude de vida com Beduka Bolsas

O clima de uma região é determinado por uma série de fatores e entre eles está a continentalidade. Como um elemento determinante para o meio ambiente, esse assunto é muito comum em provas importantes. Leia até o final do texto para aprender o que é continentalidade e se preparar para o Enem e demais vestibulares.

Se você quiser ir diretamente para alguma parte do conteúdo, clique em um dos tópicos abaixo:

Treine com as questões de Geografia do Simulado Enem do Beduka. Ele é totalmente gratuito, personalizável e simula o método TRI de correção!

O que são fatores climáticos?

Antes de entendermos o que é a continentalidade, precisamos compreender o que são os fatores climáticos entre os quais ela está.

Você já deve ter percebido que enquanto no Brasil é inverno, nos Estados Unidos é verão. Isso acontece porque o clima não é o mesmo para todos os lugares e até dentro de um mesmo país existem variações muito grandes.

As diferenças climáticas se dão pela atuação dos fatores climáticos. Eles são os responsáveis pela definição do clima de uma região. Os principais são:

  • Latitude;
  • Longitude;
  • Altitude;
  • Correntes marítimas;
  • Massas de ar
  • Maritimidade e
  • Continentalidade.

Você pode conhecer melhor os demais fatores no nosso texto sobre o que é clima. Neste artigo, vamos ficar com o último da lista e entender o que é continentalidade.

O que é continentalidade?

A continentalidade está ligada à posição que uma região tem no continente do qual ela faz parte.

Se formos olhar a definição do dicionário Priberam, continentalidade é o conjunto dos  caracteres climáticos determinados pelo enfraquecimento das influências marítimas, que em geral resultam do afastamento do oceano.

Não entendeu nada? Vamos explicar de forma mais simples. A continentalidade é o fator climático determinado pela distância entre uma área e o litoral. Ela interfere em diversos aspectos do clima, como a umidade do ar, a quantidade de chuvas e a amplitude térmica. Vamos conhecê-los melhor.

Algo que pode ajudar a entender o que é continentalidade é compreender o seu inverso, a maritimidade

Quais são os efeitos da continentalidade?

O principal efeito da continentalidade se nota nas variações de temperatura, ou como também chamamos, na amplitude térmica.

Como o solo absorve mais rápido o calor do sol, mas também o libera de maneira mais rápida do que a água dos oceanos, a temperatura pode variar bastante nos locais afastados do litoral.

O mar retém o calor ao longo do dia e o libera à noite, aquecendo o ar e mantendo a temperatura constante na costa. Assim, a variação da temperatura é muito baixa.

Em cidades como Salvador, o inverno pode ter temperaturas entre 23º e 28º. Já no interior da Bahia, como em Feira de Santana, elas variam entre 16º e 26º no mesmo dia.

Assim, as temperaturas em áreas afetadas pela continentalidade podem diminuir de maneira significativa à noite, se comparadas ao período diurno.

Outro efeito da continentalidade é a baixa umidade do ar. Como as águas do oceano evaporam, graças ao ciclo da água, elas estão presentes no ar e tornam o ambiente próximo mais úmido. As áreas distantes apresentam um clima mais seco.

Essa característica interfere também nos índices pluviométricos. As áreas de continentalidade têm menos chuvas ao longo do ano do que as próximas do mar.

Exercício sobre continentalidade

Questão 1 – (Esamc 2013) “A terra (continente) e a água apresentam diferentes propriedades térmicas e reagem de modo diferente à insolação. A água se aquece e se resfria mais lentamente que o solo. Assim, enquanto a água tem tendência de armazenar o calor que recebe, a terra, por outro lado, rapidamente o devolve à atmosfera.”

Bdeuka Bolsas de Ano Novo

AYOADE, J. O. Introdução à climatologia para os trópicos. Bertrand, São Paulo, p. 29.

Sobre o texto, é verdadeiro:

a) A influência da continentalidade favorece uma maior amplitude térmica.

b) Em zonas de interferência marítima, a perda de calor é mais rápida.

c) O predomínio da maritimidade pressupõe maior variação de temperatura ao longo do dia e do ano.

d) Os invernos mais rigorosos são típicos de zonas litorâneas banhadas por correntes marítimas quentes.

e) As temperaturas das estações do ano independem do percentual de umidade na atmosfera.

Gabarito do exercício

Exercício resolvido da questão 1

letra a) A influência da continentalidade favorece uma maior amplitude térmica.

Como vimos, a continentalidade favorece uma maior variação da temperatura, pois o solo se aquece e resfria com mais velocidade do que o mar. Assim, a amplitude térmica nos locais em que a continentalidade é um fator climático mais presente que a maritimidade é sempre maior.

Continue estudando sobre o que é continentalidade e os demais fatores climáticos com edições antigas do Enem, com nosso simulado.

Inclusive, é possível personalizá-lo, para responder somente as questões de Ciências Humanas. No final, você recebe sua nota TRI, assim você tem ideia de como seria seu rendimento caso o Enem fosse hoje.

Clique no link e comece a treinar agora mesmo.

Obrigado por ter lido até aqui.

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador