MatériasQuímica

O que é o Petróleo? Conheça suas principais características e como ele pode ser cobrado no vestibular!

O que é o Petróleo Conheça suas principais característicasO que é o Petróleo?

A palavra petróleo pode te fazer lembrar de várias coisas como combustíveis, poluição, dinheiro, guerras… e nada disso está incorreto. O petróleo realmente mudou a história da nossa sociedade e, por isso, está ligado a tantos outros temas. Está na hora de você saber mais sobre esse composto e como ele pode cair no vestibular!

Quer seguir diretamente para alguma parte do texto? Clique em um dos tópicos abaixo:

Você precisa de ajuda para organizar seus estudos? Acabamos de lançar o Plano de Estudos Intensivo para o Enem 2021!

O que é o Petróleo?

O Petróleo está presente em várias situações do nosso dia a dia. Ele é utilizado na produção de roupas, brinquedos, utensílios plásticos e, é claro, na produção de combustíveis.

Ou seja, o Petróleo é o principal combustível utilizado no mundo todo. A sua popularização começou em meados do século XlX e mudou completamente os rumos da produção de energia, alterando também toda a história da produção industrial.

Este composto é um hidrocarboneto, ou seja, ele é formado principalmente por átomos de carbono e hidrogênio ligados a átomos de outros elementos. Sua formação está relacionada com a decomposição da matéria orgânica e, por isso, ele também é conhecido como um combustível fóssil.

Como é formado o Petróleo?

Na natureza, o petróleo começa a se formar em regiões e condições muito específicas, o que eleva o valor do produto. A formação do petróleo está relacionada com a decomposição da matéria orgânica nessas condições. É isso dá a ele o nome de combustível fóssil,  

Ta, mas que condições são essas? Você saberá agora!

A decomposição da matéria orgânica para a formação de petróleo acontece em bacias sedimentares próximas a regiões marítimas. Acredita-se que o petróleo seja formado pela decomposição dos plânctons por bactérias anaeróbias ao longo de muitos anos nas condições específicas de pressão que esse ambiente proporciona.

Complicado demais? Então vamos passo a passo, relembrando alguns desses conceitos!

As bacias sedimentares são regiões que abrigam sedimentos rochosos por milhares de anos. No caso das bacias sedimentares em que encontramos petróleo, percebemos uma relação com regiões marítimas, o que nos leva à relação com os plânctons. 

Os plânctons são pequenos organismos que vivem dispersos na coluna d’água. É através da decomposição desses organismos (matéria orgânica) que acredita-se que este composto é formado.

Como esse composto demora milhões de anos para se formar, ele está disponível de forma limitada na natureza. Desse modo, ele não é caracterizado como um combustível renovável. 

Nesse aspecto, muito se discute como um composto tão especial deveria ou não ser utilizado.

Qual a composição e as principais características do Petróleo?

O Petróleo é um hidrocarboneto, por isso, a maior parte da sua composição é feita de átomos de carbono e hidrogênio. Outros elementos também podem aparecer, apresentando pequenas variações nas quantidades de cada elemento.

De uma maneira geral, o petróleo é composto por:

  • 82% de carbono;
  • 12% de hidrogênio;
  • 4% de nitrogênio;
  • 1% de oxigênio;
  • 1% de sais e resíduos de metais.

A união desses elementos, juntamente com o seu processo de formação, fazem com que o petróleo seja um composto oleoso, viscoso, inflamável e que possui densidade menor do que a água.

Provavelmente, a principal característica desse composto seja sua extrema facilidade de combustão. É essa característica que proporciona a ampla utilização desse composto como combustível.

Para o que é utilizado o Petróleo?

Além da já citada utilização como combustível, o petróleo serve como matéria prima para a produção de gasolina, gás eteno e na fabricação de polímeros plásticos. Dentro desse ponto, é importante que você relembre os seguintes conceitos:

  • Combustão: reação química exotérmica, liberando energia e tendo como produtos o CO (monóxido de carbono) e o CO2 (gás carbônico)
  • Polímeros: macromoléculas formadas pela repetição de subunidades menores em sequência. Pense em um trem com vários vagões, o trem é o polímero e os vagões são as subunidades.

Quais são os principais derivados do Petróleo?

O Petróleo não é utilizado diretamente após ter sido extraído da natureza, ele passa por vários processos de purificação nas refinarias. Ao longo desses processos, são extraídos vários derivados muito utilizados no nosso cotidiano.

Esse processo consiste na destilação da forma natural que este composto é retirado da natureza, de modo que ao longo das etapas desse processo, derivados diferentes são coletados. Os principais derivados do petróleo são:

  • Gás Natural
  • Gasolina
  • Querosene
  • Óleo lubrificante
  • Asfalto

Quais os impactos da utilização do Petróleo?

A utilização do petróleo como combustível se tornou fundamental para a sociedade, alterando a cadeia produtiva mundial. O grande problema é que a sua combustão impacta diretamente na emissão de gases poluentes e gases estufa na atmosfera.

O aumento desses gases intensifica o aquecimento global e os seus efeitos no planeta, não ficando restrito ao aumento das temperaturas médias anuais. Desse modo, toda a biodiversidade também é prejudicada. 

Por outro aspecto, analisando a questões geopolíticas e econômicas, é importante ter em mente as disputas de interesse que existem em relação a este recurso. 

É difícil imaginar um mundo sem petróleo. Na década de 70, uma forte crise atingiu o setor petrolífero e provocou grandes consequências na economia global, além de grandes disputas territoriais entre países.

Como o Petróleo pode cair no vestibular?

O Petróleo certamente pode se encaixar como um tema interdisciplinar. Dessa maneira, ele pode ser cobrado de diversas formas nas questões dos vestibulares em geral e, principalmente, no ENEM.

Na prova de Ciências da Natureza, ele pode aparecer para contextualizar as questões e para cobrar a sua percepção sobre a temática dos impactos ambientais e desenvolvimento sustentável.

Mais especificamente, fique ligado às reações químicas de combustão para as questões de Química e nos impactos ecológicos e ciclos biogeoquímicos para as questões de Biologia.

Em outra perspectiva, questões sobre o esse tema também podem aparecer na prova de Ciências Humanas. Nesta prova, o contexto estará relacionado aos processos históricos, como revoluções industriais, crises econômicas e guerras.

Gostou do nosso artigo? Compartilhe com os seus amigos e comente abaixo sobre as áreas que você deseja mais explicações.


Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador