ExercíciosFilosofia

Os 3 Melhores Exercícios sobre Conservadorismo com Gabarito

Exercícios sobre ConservadorismoOs 3 Melhores Exercícios sobre Conservadorismo com Gabarito

O conservadorismo é uma filosofia política que defende a permanência das instituições que apresentaram bons resultados e que resistiram ao longo do tempo. Ele costuma estar ligado a valores tradicionais e se opõe às mudanças que ocorrem de maneira radical ou violenta. Leia nosso resumo e faça os Exercícios sobre Conservadorismo.

Quando você terminar os Exercícios sobre Conservadorismo, coloque em prática todo seu conhecimento com O Melhor Simulado Enem do Brasil. 

A sociedade é modificada por indivíduos. Porém, antes de agir, pensamos. Engana-se quem acha que pensa apenas pela própria cabeça.

Ao longo da vida, nós somos educados e incorporamos ideias que foram pensadas, escritas e formuladas por pessoas que às vezes sequer conhecemos.

Esses pensamentos são expostos no debate público, influenciando cada vez mais pessoas.

Assim, esses indivíduos formam grupos que se identificam com determinadas ideias e passam a adotar alguma nomenclatura para descrever as suas.

Comunistas, socialistas, anarquistas, liberais, republicanos, monarquistas, capitalistas e etc… são termos criados para descrever formas de compreensão da sociedade que variam ao longo do tempo.

Entre essas ideias, está o conservadorismo que cada vez tem ficado mais popular no Brasil. 

  • Você é uma daquelas pessoas que tem fome de conhecimento? Então siga o Beduka no Instagram para conteúdos diários.

O que é o Conservadorismo? (Definição)

O Conservadorismo é uma tradição política que tende a preservar aquilo que é conhecido em detrimento a correr o risco pela inovação. 

Ele acredita que uma sociedade deve ser guiada por uma espécie de sentido histórico capaz de fazer com que todas as mudanças levem em consideração o passado, o presente e o futuro. Entendendo tudo como peça fundamental da composição social.

Existem tipos diferentes de conservadorismo que variam de acordo com local, época e demais circunstâncias.

Ele tende a ser considerado uma ideologia posicional, já que não possui princípios claros ou receitas de mundo sólidas como outras ideologias mais instrutivas.

Em grande medida, o conservadorismo se alicerça nos seguintes conceitos: 

  • Imperfeição humana;
  • Valor das circunstâncias;
  • Tradição;
  • Reforma;

Vamos ver cada um deles neste resumo, mas caso queira ainda mais conhecimento, leia nosso Artigo Completo sobre Conservadorismo.

O que é a Imperfeição Humana?

O princípio da imperfeição humana afirma que todos os indivíduos são dotados de falhas. Dessa forma, é altamente arriscado criar uma teoria política que dependa de seres iluminados e bons gerenciando as coisas públicas.

Esse princípio é muito caro ao conservadorismo. Isso porque ele propõe uma sociedade que possa caminhar para uma autogestão, em vez de depender da centralização excessiva do poder.

O que é o “valor das circunstâncias”?

Os conservadores entendem que nada pode ser explicado fora de seu contexto. Isso faz com que uma decisão política precise levar em consideração o local, o tempo e a cultura de onde ela está situada.

A preferência é que ela venha dos costumes para que depois seja ratificada em lei, não o contrário. 

Evitando, assim, que o Estado tente transformar a sociedade naquilo que ele deseja que seja.

O que é a tradição?

A tradição é um conjunto de ações e pensamentos consolidados que são passados de geração para geração.

Os conservadores tendem a defender muito a tradição por crerem que ela é essencial para que a sociedade mantenha-se funcionando ao longo do tempo.

O que é a reforma?

Justamente por defenderem a tradição, os conservadores preferem reformar. Isso significa fazer mudanças localizadas para pequenas melhorias, do que revolucionar tudo em busca de algo muito melhor.

Quem é o pai do conservadorismo? 

O primeiro uso do termo “conservador” foi usado de forma genérica no contexto da restauração de Bourbon, na França, em oposição à Revolução Francesa.

Porém, o inglês Edmund Burke, um político do século XVIII, é considerado o pai do conservadorismo porque foi o primeiro a sistematizar alguns pontos básicos do pensamento. Ele influenciou muitos outros que vieram adiante.

Burke também se opunha à Revolução Francesa, mas apoiava a Revolução Americana. Isso nos mostra que não há um único conjunto de políticas que sejam universalmente conservadoras.

Outros representantes

Autores Conservadores (Roger Scruton, Louis de Bonald, Edmund Burke, Joseph de Maistre

Dentre as referências dos conservadores, destacam-se:

  • Edmund Burke (inglês, 1729-1797): foi contrário à Revolução Francesa, mas apoiou a Americana, a república americana e a preservação do cristianismo.
  • Joseph de Maistre (francês, 1753-1821): defensor da monarquia e opositor do movimento revolucionário.
  • Louis de Bonald (francês, 1754-1840): defendeu o Antigo Regime, a Igreja Católica, a restauração da tradição e a monarquia
  • Alexis de Tocqueville (francês 1805-1959): era defensor da descentralização do poder, da liberdade ordenada e dos costumes locais.
  • Russell Kirk (americano, 1918 – 1994): considerada a política como um meio de preservar a ordem natural, não como um aparelho ideológico para transformar a natureza humana. Se opunha à violência das revoluções.
  • Roger Scruton (britânico, 1944-2020): uma das referências mais recentes, foi um escritor propagador das ideias conservadoras, contando a história desse pensamento de forma acessível a qualquer leitor.

Saiba que todas as pautas de defesa do conservadorismo variam de acordo com autor e circunstâncias. Tenha isso em mente para perceber a complexidade das ideias.

Exercícios sobre Conservadorismo com Gabarito

Esperamos que, com esse resumo, tudo tenha ficado mais claro para você. 

Parabéns por ter lido até aqui!

Baixe gratuitamente o Plano de Estudos do Beduka e tenha uma preparação perfeita para o ENEM.

Questão 1 – (BEDUKA 2021) Observe esse famoso trecho, onde o autor Michael Oakeshott define o Conservadorismo:

“Ser conservador é, pois, preferir o familiar ao estranho, preferir o que já foi tentado a experimentar, o fato ao mistério, o concreto ao possível, o limitado ao infinito, o que está perto ao distante, o suficiente ao abundante, o conveniente ao perfeito, a risada momentânea à felicidade eterna.” (OAKESHOTT, Michael. Conservadorismo. 1a ed. Ayine, 2016. [Ser Conservador, p.137])

No trecho ele refere-se a princípios muito fortes entre o pensamento conservador de tradição britânica. Quais são esses princípios?

a) Preferência em optar por aquilo que é tradicional, limitado e plausível.

b) Preferência por manter a sociedade exatamente como está e atacar as mudanças.

c) Preferência pelo privilégio das elites que tudo tem em detrimento a minoria que nada tem.

d) Preferência por arriscar em novidades capazes de criar um mundo melhor.

e) Preferência pela tradição aliada à aventura de sempre destruir para recriar.

Questão 2 – (BEDUKA 2021) Uma das críticas que Hayek, autor liberal da Escola Austríaca, fazia a respeito do conservadorismo era que ele não possuía princípios motrizes capazes de influenciar a sociedade a longo prazo. Em qual característica do conservadorismo alicerçava-se essa crítica?

a) Apego a uma tradição de defesa dos direitos dos ricos sobre os pobres.

b) Defesa de uma ruptura revolucionária em direção à ditadura do proletariado.

c) Defesa inconcdicional da liberdade de mercado.

d) Falta de um plano claro e projeto de mundo, deixando as decisões mais pautadas nas circunstâncias.

e) Presença de um plano muito sólido de futuro da sociedade, incapaz de se adaptar aos cenários circunstanciais.

Questão 3 – (BEDUKA 2021) Qual autor é considerado como o criador de uma tradição de pensamento conservador mais consolidado e estruturado?

a) Karl Marx

b) Thomas Hobbes

c) Edmund Burke

d) Émile Durkheim

e) Immanuel Kant 

Parabéns, você fez todos os Exercícios sobre Conservadorismo, Confira agora o Gabarito:

Gabarito dos Exercícios de Revoluções Liberais

Exercício resolvido da questão 1 –

Alternativa correta: a) Preferência em optar por aquilo que é tradicional, limitado e plausível.

Exercício resolvido da questão 2 –

Alternativa correta: d) Falta de um plano claro e projeto de mundo, deixando as decisões mais pautadas nas circunstâncias. 

Exercício resolvido da questão 3 –

Alternativa correta: c) Edmund Burke

Estude para o Enem com o Simulado Beduka. É gratuito!

Gostou dos nossos Exercícios sobre Conservadorismo? Compartilhe com os seus amigos e comente abaixo sobre as áreas que você deseja mais explicações.

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por profissionais de várias formações (professores, jornalistas, filósofos), sempre prontos a oferecer os melhores conteúdos educacionais com foco no Enem e colaborar com a formação de todos os alunos. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador