História

Exercícios sobre Liberalismo

Exercícios sobre LiberalismoExercícios sobre Liberalismo

Liberalismo é a teoria econômica, política e social, que surgiu no século XVII. Esse pensamento é contra, principalmente, a intervenção do Estado na economia. Leia o resumo e faça os exercícios sobre liberalismo.

No ENEM, no caderno de Ciências Humanas e suas Tecnologias podem cair exercícios sobre liberalismo, leia o resumo abaixo e responda as questões.

Resumo – Liberalismo

Existem várias teorias políticas, o capitalismo, comunismo, socialismo e até mesmo o liberalismo fazem parte do nosso contexto atual, por isso antes de iniciarmos esse resumo é necessário entender o que é liberalismo. 

O que é liberalismo?

O liberalismo é o princípio que defende a ideia da liberdade política e econômica, ou seja, o Estado não deve controlar a economia e as relações sociais. Adotam principalmente a ideia da liberdade individual e mercantil, o individualismo é altamente defendido pelos liberais e cada indivíduo deve ser igual e livre perante os direitos humanos e as leis, sem que a hierarquização e diferenças sociais sejam colocadas em consideração.

John Locke - Liberalismo

Esse pensamento liberal começou a surgir no século XVII, quando o filósofo inglês John Locke publicou os seus trabalhos sobre política. No século XVIII o filósofo escocês Adam Smith iniciou a defesa do liberalismo econômico, pois além de filósofo ele também era economista, o que fez o liberalismo ganhar ainda mais força.

Liberalismo no Brasil

No Brasil os ideais liberalistas surgiram no início do século XIX e teve grande destaque principalmente em 1822, após a independência brasileira. Atualmente há vários partidos políticos que representam os princípios do liberalismo, como por exemplo o Partido Novo, DEM (Democratas), PSL (Partido Social Liberal) e PSD (Partido Social Democrático).

Quais são as principais características do liberalismo?

O liberalismo defende os seguintes princípios básicos:

  • Individualismo;
  • Valorização trabalhista;
  • Liberdade de expressão e ideológica;
  • O livre mercado, que seria a liberdade econômica, ou seja, livre concorrência entre as empresas;
  • Limitar o Estado nas decisões econômicas, de modo que ele quase não participe;
  • Igualdade e direitos igualitários diante das leis.

Liberalismo e Neoliberalismo

O neoliberalismo surgiu a partir do liberalismo, porém de acordo com a atual situação econômica gerada pelo desenvolvimento e pela facilidade de conectar com várias pessoas de vários lugares, ou seja, a globalização e novos paradigmas do capitalismo.

Por isso, a principal diferença do liberalismo e neoliberalismo é o contexto social em que surgem. O liberalismo surgiu contra a monarquia, já o neoliberalismo foi desenvolvido para apoiar as práticas capitalistas e a economia privada. 

Agora faça os exercícios sobre liberalismo para testar seus conhecimentos sobre o assunto!

Exercícios sobre Liberalismo

1 – (Fuvest)“Um comerciante está acostumado a empregar o seu dinheiro principalmente em projetos lucrativos, ao passo que um simples cavalheiro rural costuma empregar o seu em despesas. Um frequentemente vê seu dinheiro afastar-se e voltar às suas mãos com lucro; o outro, quando se separa do dinheiro, raramente espera vê-lo de novo. Esses hábitos diferentes afetam naturalmente os seus temperamentos e disposições em toda espécie de atividade. O comerciante é, em geral, um empreendedor audacioso; o cavalheiro rural, um tímido em seus empreendimentos…” (Adam Smith, A RIQUEZA DAS NAÇÕES, Livro III, capítulo 4)

Neste pequeno trecho, Adam Smith:

a) contrapõe lucro à renda, pois geram racionalidades e modos de vida distintos.

b) mostra as vantagens do capitalismo comercial em face da estagnação medieval.

c) defende a lucratividade do comércio contra os baixos rendimentos do campo.

d) critica a preocupação dos comerciantes com seus lucros e dos cavalheiros com a ostentação de riquezas.

e) expõe as causas da estagnação da agricultura no final do século XVIII.

2 – (Mackenzie)Assinale a alternativa em que aparecem as principais ideias de Jean Jacques Rousseau em sua obra O CONTRATO SOCIAL.

a) Cada homem é inimigo do outro, está em guerra com o próximo e por esta razão cria o Estado para sua própria defesa e proteção.

b) O Estado é uma realidade em si e é necessário conservá-lo, reforçá-lo e eventualmente reformá-lo, reconhecendo uma única finalidade: sua prosperidade e grandeza.

c) O governante deve dar um bom exemplo para que os súditos o sigam. Através da educação e de rituais, os homens de capacidade aprenderiam e transmitiriam os valores do passado.

d) Que as classes dirigentes tremam ante a ideia de uma revolução! Os trabalhadores devem proclamar abertamente que seu objetivo é a derrubada violenta da ordem social tradicional.

e) A única esperança de garantir os direitos de cada indivíduo é a organização da sociedade civil, cedendo todos os direitos à comunidade, para que seja politicamente justo o que a maioria decidir.

3 – (FAAP) Os pensadores do liberalismo econômico, como Adam Smith, Malthus e outros, defendiam:

a) intervenção do Estado na economia

b) o mercantilismo como política econômica nacional

c) socialização dos meios de produção

d) liberdade para as atividades econômicas

e) implantação do capitalismo de Estado

4 – (ENEM)O texto abaixo, de John Locke (1632-1704), revela algumas características de uma determinada corrente de pensamento.

“Se o homem no estado de natureza é tão livre, conforme dissemos, se é senhor absoluto da sua própria pessoa e posses, igual ao maior e a ninguém sujeito, por que abrirá ele mão dessa liberdade, por que abandonará o seu império e sujeitar-se-á ao domínio e controle de qualquer outro poder? Ao que é óbvio responder que, embora no estado de natureza tenha tal direito, a utilização do mesmo é muito incerta e está constantemente exposto à invasão de terceiros porque, sendo todos senhores tanto quanto ele, todo homem igual a ele e, na maior parte, pouco observadores da equidade e da justiça, o proveito da propriedade que possui nesse estado é muito inseguro e muito arriscado. Estas circunstâncias obrigam-no a abandonar uma condição que, embora livre, está cheia de temores e perigos constantes; e não é sem razão que procura de boa vontade juntar-se em sociedade com outros que estão já unidos, ou pretendem unir-se, para a mútua conservação da vida, da liberdade e dos bens a que chamo de propriedade.”

(Os Pensadores. São Paulo: Nova Cultural, 1991)

Do ponto de vista político, podemos considerar o texto como uma tentativa de justificar:

a) a existência do governo como um poder oriundo da natureza.

b) a origem do governo como uma propriedade do rei.

c) o absolutismo monárquico como uma imposição da natureza humana.

d) a origem do governo como uma proteção à vida, aos bens e aos direitos.

e) o poder dos governantes, colocando a liberdade individual acima da propriedade.

5 – (UFV-MG)Exalta o direito de propriedade individual e da riqueza; opondo-se, consequentemente, à intervenção do estado na economia. Defende  intransigentemente que deve haver total liberdade de produção, circulação e venda. Considera que o homem, enquanto indivíduo, deve desfrutar de todas as satisfações, não se submetendo senão aos limites da Razão. Crê no Progresso como sendo resultado de um fenômeno natural e decorrente da livre concorrência que, ao estimular as atividades econômicas, é a única forma aceitável de proporcionar liberdade, felicidade, prosperidade e igualdade entre todos os homens.

O trecho acima pode ser considerado uma síntese dos valores constitutivos da ideologia política intitulada:

a) Catolicismo social.

b) Socialismo utópico.

c) Socialismo científico.

d) Liberalismo.

e) Anarquismo.

6 – (Enem 2014)

TEXTO |

O presidente do jornal de maior circulação do pais

destacava também os avanços econômicos obtidos

naqueles vinte anos, mas, ao justificar sua adesão aos

miltares em 1964, deixava clara sua crença de que a

intervenção fora imprescindível para a manutenção da

democracia.

Depenive em: pago globo cam, Aces em: 1 set 2013 (adaptado

TEXTO Il

Nada pode ser colocado em compensação à

perda das liberdades individuais. Não existe nada de bom

quando se aceita uma solução autoritária.

FICO, C. A aducação é o golpe da 1964. Disponivel er: mm brasivecarte com.

cação em. 4 Bu. 2014 (adaptado)

Embora enfatizem a defesa da democracia, as visões do movimento político-militar de 1964 divergem ao focarem, respectivamente:

a) Razões de Estado — Soberania popular.

b) Ordenação da Nação — Prerrogativas religiosas.

c) Imposição das Forças Armadas — Deveres sociais.

d) Normatização do Poder Judiciário — Regras morais.

e) Contestação do sistema de governo — Tradições culturais.

Baixe o melhor plano de estudos gratuito que você encontrará na internet.

Respostas dos Exercícios sobre Liberalismo

Exercício resolvido da questão 1 –

a) contrapõe lucro à renda, pois geram racionalidades e modos de vida distintos.

Exercício resolvido da questão 2 –

e) A única esperança de garantir os direitos de cada indivíduo é a organização da sociedade civil, cedendo todos os direitos à comunidade, para que seja politicamente justo o que a maioria decidir.

Exercício resolvido da questão 3 –

d) liberdade para as atividades econômicas

Exercício resolvido da questão 4 –

d) a origem do governo como uma proteção à vida, aos bens e aos direitos.

Exercício resolvido da questão 5 –

d) Liberalismo.

Exercício resolvido da questão 6 –

a) Razões de Estado — Soberania popular.

Estude para o Enem com o Simulado Beduka. É gratuito!

Gostou dos nossos Exercícios sobre Liberalismo? Compartilhe com os seus amigos e comente abaixo sobre áreas que você deseja mais explicações.

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Ana Gervásio
Ana Gervásio
Ana está cursando comunicação social - jornalismo e faz parte da equipe de redação do Beduka. Ela ama escrever e ler sobre diversos assuntos, é dedicada ao que faz e está atualizada com as novidades. A Ana é defensora dos animais e do meio ambiente, gosta de sair com os amigos e dançar, adora assistir séries, filmes e documentários.

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador