Biologia

Questões sobre Vacinas com gabarito

Questões sobre Vacinas com GabaritoQuestões sobre Vacinas com Gabarito

As vacinas têm como função auxiliar na proteção do corpo. Leia o resumo e entenda como funcionam, quais são as principais vacinas e os seus mitos. Teste seus conhecimentos com as questões sobre vacinas.

Antes de entender para que servem, como funcionam, quais são e os mitos sobre vacinas, saiba que o ENEM costuma cobrar essa matéria principalmente no caderno de Ciências da Natureza e sua Tecnologias, sendo importante que você leia e faça as questões sobre vacinas para se preparar ainda mais.

Para que serve a vacina?

As vacinas são responsáveis por estimular o sistema imune a produzir anticorpos. Os anticorpos são um tipo de proteção do corpo, e eles tentam impedir a entrada de vírus, bactérias e a manifestação de doenças.

Algumas vacinas estão no plano nacional da vacinação, ou seja, tais vacinas são administradas de forma gratuita. Porém, há também, as vacinas que precisam de uma recomendação médica e outras que são realizadas devido a uma viagem, em que se tenha o risco de contrair alguma doença infecciosa, no local de destino.

Qual a função da vacina?

As vacinas têm como principal função a prevenção de doenças. As principais doenças que a vacina previne são:

  • Febre amarela;
  • Febre tifóide;
  • Gripe; 
  • Meningite por Haemophilus tipo B;
  • Catapora;
  • Caxumba;
  • HPV;
  • Poliomielite;
  • Raiva;
  • Gastroenterite grave causada por Rotavírus;
  • Sarampo;
  • Tétano;
  • Tuberculose;
  • Coqueluche;
  • Dengue;
  • Difteria;
  • Doença meningocócica;
  • Doença pneumocócica;
  • Hepatite A e B.

Como funciona a vacina?

Elas funcionam de dois modos: há vacinas que são compostas por agentes infecciosos vivos e enfraquecidos ou inativos; e existem as vacinas que são compostas por agentes mortos, alterados ou que possuem partículas dos micro-organismos causadores da doença.

Assim que as vacinas são introduzidas, o sistema imune age contra o agente introduzido. Logo, o corpo produz anticorpos específicos para combater o agente.

Dessa forma, se um dia o micro-organismo tentar contaminar a pessoa vacinada, ela já terá uma proteção especializada e vai impedir que ocorra a proliferação da doença.

Quais são as vacinas?

Existem muitas vacinas atualmente. As principais que constituem o plano nacional de vacinação são:

Vacinas até 9 meses de vida

Principais-vacinas-para-os-primeiros-meses-de-vida
  • BCG;
  • Hepatite B;
  • Penta/DTP;
  • VIP/VOP;
  • Pneumo 10;
  • Rotavírus;
  • Meningo C;
  • Febre Amarela.

Vacinas de 1 a 9 anos

Vacinas-de-1-a-9-anos
  • Penta/DTP;
  • VIP/VOP;
  • Pneumo 10;
  • Meningo C;
  • Tríplice viral;
  • Tetra viral;
  • Varicela;
  • Hepatite A;
  • HPV.

Vacinas a partir de 10 anos

Vacinas importantes
  • Meningo C;
  • Hepatite B;
  • Febre Amarela;
  • Tríplice Viral;
  • Dupla Adulto;
  • HPV;
  • DTPA adulto.

Mitos sobre vacinação

Alguns mitos sobre a vacina são:

  • A higiene e saneamento fazem o combate das doenças (Mito);
  • As vacinas são prejudiciais e até fatais (Mito);
  • As vacinas podem causar morte súbita infantil (Mito);
  • As doenças estão quase que erradicadas, por isso a vacina não é necessária (Mito).

Questões sobre Vacinas 

1 – (UFMG) – A Campanha Nacional de Vacinação do Idoso, instituída pelo Ministério da Saúde do Brasil, vem-se revelando uma das mais abrangentes dirigidas à população dessa faixa etária. Além da vacina contra a gripe, os postos de saúde estão aplicando, também, a vacina contra pneumonia pneumocócica.

É correto afirmar que essas vacinas protegem porque

a) são constituídas de moléculas recombinantes.

b) contêm anticorpos específicos.

c) induzem resposta imunológica.

d) impedem mutações dos patógenos.

2 – (Enem) – A vacina, o soro e os antibióticos submetem os organismos a processos biológicos diferentes. Pessoas que viajam para regiões em que ocorrem altas incidências de febre amarela, de picadas de cobras peçonhentas e de leptospirose e querem evitar ou tratar problemas de saúde relacionados a essas ocorrências devem seguir determinadas orientações.

Ao procurar um posto de saúde, um viajante deveria ser orientado por um médico a tomar preventivamente ou como medida de tratamento

a) antibiótico contra o vírus da febre amarela, soro antiofídico caso seja picado por uma cobra e vacina contra a leptospirose.

b) vacina contra o vírus da febre amarela, soro antiofídico caso seja picado por uma cobra e antibiótico caso entre em contato com a Leptospira sp.

c) soro contra o vírus da febre amarela, antibiótico caso seja picado por uma cobra e soro contra toxinas bacterianas.

d) antibiótico ou soro, tanto contra o vírus da febre amarela como para o veneno de cobras, e vacina contra a leptospirose.

e) soro antiofídico e antibiótico contra a Leptospira sp. e vacina contra a febre amarela caso entre em contato com o vírus causador da doença.

3 – (UEG GO/2018) – Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), acidentes por picadas de animais peçonhentos são um dos maiores problemas de saúde pública em países tropicais como o Brasil. Isso porque as ocorrências estão entre as principais intoxicações do público adulto jovem, entre 20 e 49 anos. No país, o maior número de acidentes registrado é com escorpiões, seguido por serpentes e aranhas.

Em Goiás, a grande incidência desse tipo de agravo pode ser notada no Hospital de Doenças Tropicais Dr. Anuar Auad (HDT/HAA), referência em doenças infectocontagiosas e dermatológicas. Os acidentes com animais peçonhentos representam o segundo maior número de atendimento no hospital, ficando atrás apenas das assistências a pacientes portadores do vírus HIV. Todavia, a grande maioria da população desconhece os procedimentos de socorro em casos de acidente com picada de animais peçonhentos.

Disponível em: <http://www.goiasagora.go.gov.br/saude-alerta-para-os-acidentes-com-animais-peconhentos&gt;. Acesso em: 22 set. 2017.

Sobre a produção e o uso dos soros em acidentes por picadas de animais peçonhentos, verifica-se que

a) os soros hiperimunes heterólogos produzidos para combater complicações nesses acidentes são medicamentos que contêm anticorpos produzidos por animais não-imunizados, utilizados para o tratamento de intoxicações causadas por venenos de animais, toxinas ou infecções por vírus e nematódeos.

b) o plasma obtido pelas sangrias dos cavalos é submetido a uma sequência de processos físicos e químicos para a purificação das imunoglobulinas, com emprego de testes de qualidade em diversas fases da produção e para a liberação de cada lote produzido.

c) a validação experimental no processo de produção dos soros hiperimunes de cavalo não inviabiliza sua utilização, haja vista que a eliminação de diversos tipos de vírus, durante o fracionamento do plasma, não requer etapas mais específicas.

d) a escolha do soro e a quantidade independem do diagnóstico, visto que o soro antipeçonhento pode atingir um espectro humano maior para cada tipo de acidente, uma vez que antes de se administrá-lo é preciso avaliar se há manifestações clínicas que indiquem que o indivíduo foi picado por um animal peçonhento.

e) o processo de produção do soro inicia-se com a manutenção da imunização de cavalos com antígenos não-específicos preparados com a mistura dos venenos de serpentes, aranhas, escorpiões e lagartas para produção dos soros hiperimunes.

4 – (IFPE/2017) – A campanha de multivacinação 2016 lançada pelo ministério da saúde ocorreu no dia 24 de setembro em todo o país. As salas de vacinação foram disponibilizadas nas unidades de saúde, e foram oferecidas para a população 19,2 milhões de doses dos quatorze (14) tipos de vacinas, denominadas respectivamente: hepatite “A”,VIP, meningocócica C, rotavírus, HPV, pneumo 10, febre amarela, varicela, pentavalente, tetraviral, dupla adulto, DTP, tríplice viral e VOP (poliomielite). Em relação a este assunto, é CORRETO dizer que

a) os vírus são parasitas intracelulares obrigatórios.

b) os vírus têm metabolismo próprio.

c) as vacinas são produzidas exclusivamente a partir de vírus e nunca a partir de bactérias.

d) os vírus não apresentam material genético.

e) os vírus são constituídos por células simples.

5 – (UEFS BA/2017) – O Instituto Butantã, em São Paulo, deverá construir uma unidade dedicada à produção da vacina contra dengue, até o final de 2016, segundo anunciou o diretor do instituto Jorge Kalil. Até junho de 2017, a unidade estará preparada para a produção da vacina, desenvolvida em parceria entre o Butantã e os Institutos Nacionais de Saúde dos Estados Unidos (NIH). A unidade, que também poderá ser usada na produção de uma futura vacina contra o vírus da Zika, terá capacidade de produzir 30 milhões de doses de vacina de dengue por ano. Hoje, o Instituto Butantã já produz as vacinas de dengue que vêm sendo usadas nos testes clínicos por uma fábrica menor, com capacidade de 500 mil doses por ano. (INSTITUTO BUTANTÃ ….., 2016.)

INSTITUTO BUTANTÃ …..Disponível em: < http://g1.globo.com/bemestar/

noticia/2016/09/instituto-butantan-tera-fabrica-de-vacina-de-dengue-ate-fimdo-ano.html>.

Acesso em: 19 set. 2016.

A partir das informações contidas no texto e com os conhecimentos acerca do mosquito da dengue, pode-se afirmar:

a) O vírus da dengue é portador de um genoma de RNA positivo, que proporcionará a síntese de um RNA mensageiro com a mesma sequência de seu RNA genômico.

b) A vacina caracteriza uma imunização ativa em que o determinante antigênico do vírus da dengue potencializa a ação dos linfócitos B imaturos para a síntese de anticorpos.

c) Na expressão do genoma do Flavivírus, vírus da dengue, as proteínas traduzidas farão parte do capsídeo do futuro vírion.

d) A vacina é responsável pela sensibilização do organismo a partir de linfócitos T auxiliares, que produzirão proteínas especificas de defesa.

e) A vacina da dengue proporcionará a formação de anticorpos idênticos àqueles que serão produzidos a partir da vacina contra o vírus da Zika, por ser vírus com RNA.

Baixe o melhor plano de estudos gratuito que você encontrará na internet.

Respostas dos Questões sobre Vacinas 

Confira agora o gabarito. Quantas você acertou?

Exercício resolvido da questão 1 –

c) induzem resposta imunológica.

Exercício resolvido da questão 2 –

b) vacina contra o vírus da febre amarela, soro antiofídico caso seja picado por uma cobra e antibiótico caso entre em contato com a Leptospira sp.

Exercício resolvido da questão 3 –

b) o plasma obtido pelas sangrias dos cavalos é submetido a uma sequência de processos físicos e químicos para a purificação das imunoglobulinas, com emprego de testes de qualidade em diversas fases da produção e para a liberação de cada lote produzido.

Exercício resolvido da questão 4 –

a) os vírus são parasitas intracelulares obrigatórios.

Exercício resolvido da questão 5 –

a) O vírus da dengue é portador de um genoma de RNA positivo, que proporcionará a síntese de um RNA mensageiro com a mesma sequência de seu RNA genômico.

Estude para o Enem com o Simulado Beduka. É gratuito!

Gostou das nossas Questões sobre Vacinas? Compartilhe com os seus amigos e comente abaixo sobre áreas que você deseja mais explicações.

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por pessoas de várias formações, sempre prontas a aprender sobre tudo para publicar os melhores textos e colaborar com a formação de todos os leitores. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador