História

Exercícios sobre Grécia Antiga

EXERCÍCIOS-SOBRE-GRÉCIA-ANTIGAEXERCÍCIOS-SOBRE-GRÉCIA-ANTIGA

A comunidade grega teve o surgimento entre os mares Egeu, Jônico e Mediterrâneo, aproximadamente há 2.000 a.C. As pólis ou cidades-Estado, eram separadas de acordo com a política, cultura, crenças e outras características. As duas pólis que receberam maior destaque nesse período foram Esparta e Atenas. Aproveite e faça os exercícios sobre Grécia Antiga.

A Grécia Antiga é um assunto bastante discutido nos principais vestibulares. Entender essa matéria é essencial para o seu sucesso no caderno de Ciências Humanas e suas tecnologias da prova do ENEM. É importante que você compreenda todo esse período, por isso leia o resumo e faça os exercícios sobre Grécia Antiga!

Grécia Antiga

A Grécia Antiga é o período histórico que vai do século XX ao século IV a.C., conhecido por ser o berço da civilização ocidental.

Esse período da história foi separado em quatro fases principais:

  • Pré-Homérico – séculos XX – XII a.C.;
  • Homérico – séculos XII – VIII a.C.;
  • Arcaico – séculos VIII – VI a.C.;
  • Clássico – séculos V – IV a.C.

Pré-Homérico 

período pré-homérico - cavalo_de_troia
  • Primeira fase de formação da Grécia;
  • Formada por meio da miscigenação dos povos Indo-Europeus ou arianos;
  • Esses povos migraram para a região sul da península Balcânica até chegar nos aqueus;
  • Vivem em um regime de comunidade primitiva;
  • Desenvolvimento da escrita;
  • Construção de palácios;
  • Desenvolvimento de cidades estruturadas;
  • Separação de reinos guiados pela cidade de Micenas;
  • Dominação das Ilhas do Mar Egeu;
  • Destruição da cidade inimiga, Troia;
  • No século XII a.C. a cidade foi derrotada pelos dórios, esse ocorrido foi chamado 1ª diáspora grega.

Homérico 

  • Com a invasão dórica a Grécia não desenvolveu as suas relações sociais e comerciais;
  • Fragilização da economia;
  • Surgimento dos genos (comunidade composta por muitas famílias geradas por um ancestral comum);
  • Comunidade que baseada no trabalho coletivo;
  • Os bens eram comuns a todos;
  • Aumento populacional;
  • Desequilíbrio entre os povos;
  • Desagregação dos genos;
  • Início de um movimento colonizador, denominado 2ª diáspora grega;
  • Surgimento de novas colônias.

Período Arcaico

  • União de aristocratas de diferentes genos, o que forma as frátrias;
  • Houve a formação de várias tribos;
  • Surgimento das cidades-Estados;
  • As cidades-Estados eram as polis gregas;
  • Atenas e Esparta foram polis gregas com grande influência;
  • Esparta: aristocrata, não permitia influências estrangeiras, tinha economia agrária, era autoritária e militarista;
  • Atenas: dominação do comércio, desenvolvimento político, colocando em prática vários tipos de governo, como a monarquia, oligarquia, tirania e a democracia.

Período Clássico

Arquitetura do período clássico da Grécia Antiga
  • Esse período foi caracterizado pelas Guerras Médicas;
  • As Guerras Médicas ocorreram entre gregos e persas que prejudicavam a comercialização e segurança dentro das cidades;
  • Atenas assumiu a liderança da Confederação de Delos (organização constituída por diferentes cidades-Estados);
  • Filosofia, teatro, escultura, arquitetura e outras artes eram valorizadas e desenvolvidas;
  • Esparta declarou guerra a Atenas após se unir com outras cidades-Estados, formando a Liga do Peloponeso;
  • Grécia é comandada pelos Exércitos da Macedônia, período denominado helenístico;
  • Felipe II foi o imperador da grécia e o seu filho (Alexandre Magno) governou logo em seguida.

Política Grega

A política da Grécia antiga era constituída por uma estrutura bastante diferente, pois o país não era unificado. A formação era realizada por um conjunto de cidades que compartilhavam a língua, costumes, leis e normas. 

Importante ressaltar que nem todas as regiões tinham boa relação umas com as outras, algumas eram até inimigas como Atenas e Esparta.

Foi no Período Clássico que a democracia se iniciou. Acreditava-se que os cidadãos eram capazes de contribuir para o bem-comum e crescimento da polis. 

Cultura na Grécia Antiga - escultura grega

A beleza, virtude, música, pintura, arquitetura, escultura e outras expressões artísticas eram os principais pontos de aperfeiçoamento da população grega.

Civilização Grega

A sociedade grega era dividida em regiões e cada uma tinha a sua própria organização social. 

Civilização Grega - Polis grega

Atenas admitia a escravidão de pessoas que perdiam a guerra e também que possuíam dívidas, já Esparta possuía poucos escravos e muitos servos estatais que eram considerados propriedades do governo espartano.

Em Atenas, haviam estrangeiros denominados metecos e só quem nascia na cidade era considerado cidadão e poderia participar das questões políticas e discussões da polis.

Comércio na Grécia Antiga

A economia grega era movida principalmente pela produção de artesanatos, agricultura, como vinhas, oliveiras e trigos, também havia a comercialização de produtos, como couro, metal e tecidos.

A moeda utilizada nessa época era chamada de dracma, e as comercializações eram feitas dentro da própria cidade e por meio da rota no mediterrâneo.

Comércio na Grécia Antiga - moedas dracmas

Deuses gregos

Na Grécia predominava o politeísmoo longo do tempo os povos gregos sofreram grande influência de outros povos e por isso novas crenças e deuses surgiram. 

O panteão de deuses, ninfas, seres humanos imortais, etc, pertence exatamente à esse contexto histórico.

Muitos ensinamentos eram desenvolvidos de estórias dos deuses e com elas se tiravam uma moral e justificativas para a prática de atividades na guerra e até mesmo para se chagar a paz, ou seja, as crenças interferiam diretamente na vida dos povos gregos.

Cultura Grega

Os principais temas desenvolvidos na literatura, música e teatro eram:

  • Realizações heróicas;
  • Relações de heróis com deuses do Olimpo;
  • Temas trágicos;
  • Temas de comédia;
  • Temas religiosos.

O esporte também era predominante na cultura grega e futurante surgiria os Jogos Olímpicos ou Olimpíadas.

Cultura - Jogos Olímpicos ou Olimpíadas na Grécia antiga

Agora é a sua vez de praticar com os Exercícios sobre Grécia Antiga!

Exercícios sobre Grécia Antiga

1 – (UEL-PR) Com a nova divisão da sociedade, qualquer cidadão poderia participar das decisões do poder. Apenas os escravos e os metecos (estrangeiros) não participavam das decisões políticas, pois não tinham direito de cidadania.

Ao texto pode-se associar:

a) Drácon e a expansão colonial em direção ao Mediterrâneo.

b) Sólon e a militarização da política espartana.

c) Psístrato e a helenização da Península Balcânica.

d) Péricles e a hegemonia cultural grega no Peloponeso.

e) Clístenes e a democracia escravista ateniense.

2 – (PUC-SP)No sentido contemporâneo do termo, sobretudo com implicações de unidade política, a palavra nação não pode ser aplicada à Grécia Antiga. Tanto assim que:

a) prevaleciam padrões culturais diferenciados nas várias regiões.

b) as formas de governo foram únicas, mas guardavam total autonomia.

c) não havia unidade de língua e religião entre as várias populações urbanas.

d) as cidades eram independentes nos assuntos de seu próprio interesse.

e) predominavam as tendências à proibição de atividades econômicas semelhantes.

3 – (MACKENZIE)As diferenças políticas e econômicas entre espartanos e atenienses culminaram no conflito armado denominado:

a) Guerras Médicas

b) Guerras Púnicas

c) Guerra do Peloponeso

d) invasão macedônica

e) Guerras Gaulesas

4 – (UEMT)O enfraquecimento das cidades gregas, após a Guerra do Peloponeso (431 – 404 a. C.), possibilitou a conquista da Grécia pelos:

a) bizantinos

b) hititas

c) assírios

d) persas

e) macedônios

5 – (S. J. DO RIO PRETO)Os gregos possuíam divindades menores que inspiravam suas criações artísticas e científicas: assim Clio era a musa inspiradora da:

a) Música

b) História

c) Poesia Épica

d) Astronomia

e) Comédia

6 – (FAAP)Célebre poeta do século IX a.C., autor dos poemas Ilíada e Odisseia. A tradição apresenta o velho e cego.

a) Homero.

b) Heródoto.

c) Safo.

d) Anacreonte.

e) Píndaro.

7 – (Unesp) “A consequência mais aparente das invasões foi a destruição quase integral da civilização micênica. No espaço de um século, as criações orgulhosas dos arquitetos aqueus, palácios e cidadelas, não são mais do que ruínas. Ao mesmo tempo vemos desaparecer a realeza burocrática, a escrita, que não passava de uma técnica de administração, e todas as criações artísticas[…]” (LÉVÊQUE, Pierre. A Aventura Grega.)

O texto refere-se às invasões:

a) persas.

b) germânicas.

c) macedônicas.

d) dórias.

e) cretenses.

Baixe o melhor plano de estudos gratuito que você encontrará na internet.

Respostas dos Exercícios sobre Grécia Antiga

Exercício resolvido da questão 1 –

e) Clístenes e a democracia escravista ateniense.

Exercício resolvido da questão 2 –

d) as cidades eram independentes nos assuntos de seu próprio interesse.

Exercício resolvido da questão 3 –

c) Guerra do Peloponeso

Exercício resolvido da questão 4 –

e) macedônios

Exercício resolvido da questão 5 –

b) História

Exercício resolvido da questão 6 –

b) Heródoto.

Exercício resolvido da questão 7 –

d) dórias.

Estude para o Enem com o Simulado Beduka. É gratuito!

Gostou dos nossos Exercícios sobre Grécia Antiga? Compartilhe com os seus amigos e comente abaixo sobre áreas que você deseja mais explicações.

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por pessoas de várias formações, sempre prontas a aprender sobre tudo para publicar os melhores textos e colaborar com a formação de todos os leitores. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador