Redação

Redação ENEM corrigida e comentada – Violência contra a mulher

Nesse artigo apresentamos uma redação do ENEM nota 1000 sobre a persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira. Essa redação foi corrigida e comentada para que você aprenda com os exemplos dados.

Nós do Beduka resolvemos apresentar a você, a terceira da série redação ENEM corrigida e comentada. Quem a escreveu foi a Isadora Peter Furtado que é do Rio Grande do Sul e fez o Enem 2015, sobre o tema: A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira.

Primeiro ela está abaixo integral e sem comentários. Em seguida você verá a redação ENEM corrigida e comentada. Trata-se de uma redação nota 1000, logo, você aprenderá exatamente o que fazer para também ter uma nota assim!

Nós do Beduka, o seu buscador de faculdades e cursos, torcemos para que você também faça uma redação NOTA 1000!

Estude para o Enem com o Simulado Beduka. É gratuito! Clique no banner abaixo para acessá-lo.

Redação na íntegra:

A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira é um problema muito presente. Isso deve ser enfrentado, uma vez que, diariamente, mulheres são vítimas desta questão. Neste sentido, dois aspectos fazem-se relevantes: o legado histórico-cultural e o desrespeito às leis.  

Segundo a História, a mulher sempre foi vista como inferior e submissa ao homem. Comprova-se isso pelo fato de elas poderem exercer direitos, ingressarem no mercado de trabalho e escolherem suas próprias roupas muito tempo depois do gênero oposto. Esse cenário, juntamente aos inúmeros casos de violência contra as mulheres corroboram a ideia de que elas são vítimas de um histórico-cultural. Nesse ínterim, a cultura machista prevaleceu ao longo dos anos a ponto de enraizar-se na sociedade contemporânea, mesmo que de forma implícita, à primeira vista.

Conforme previsto pela Constituição Brasileira, todos são iguais perante à lei, independente de cor, raça ou gênero, sendo a isonomia salarial, aquela que prevê mesmo salário para mesma função, também garantidas por lei. No entanto, o que se observa em diversas partes do país,  é a gritante diferença  entre os salários de homens e mulheres, principalmente se estas forem negras. Esse fato causa extrema decepção e constrangimento a elas, as quais sentem-se inseguras e sem ter a quem recorrer. Desse modo, medidas fazem-se necessárias para corrigir a problemática.

Diante dos argumentos supracitados, é dever do Estado proteger as mulheres da violência, tanto física quanto moral, criando campanhas de combate à violência, além de impor leis mais rígidas e punições mais severas para aqueles que não as cumprem. Some-se a isso investimentos em educação, valorizando e capacitando os professores, no intuito de formar cidadãos comprometidos em garantir o bem-estar da sociedade como um todo.

Redação ENEM corrigida e comentada:

A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira é um problema muito presente. (A introdução começa, neste caso, com a constatação do problema. Trata-se apenas de uma evidenciação) Isso (remete ao problema da violência) deve ser enfrentado, uma vez que, (Expressão que introduz o motivo da necessidade de uma mudança que resolva o problema. Essas expressões são muito úteis para organizar o pensamento, ou seja, o desenvolvimento da argumentação) diariamente, mulheres são vítimas desta questão. (Esta expressão em itálico remete novamente à violência contra a mulher, porém sem repetir os termos. No mesmo parágrafo esse problema foi mencionado três vezes, porém sem tornar a leitura ruim ou pedante, por causa das várias formas de referenciar a mesma coisa) Neste sentido, dois aspectos fazem-se relevantes: o legado histórico-cultural e o desrespeito às leis.  (Dois aspectos foram citados, portanto devem depois serem explicados)

Segundo a História, a mulher sempre foi vista como inferior e submissa ao homem. Comprova-se (Esse formato de escrita com o uso do “se” é recomendado, porque por esse meio o sujeito da oração fica indeterminado. Isso é bom porque a redação do Enem não deve ser pessoal) isso pelo fato de elas poderem exercer direitos, ingressarem no mercado de trabalho e escolherem suas próprias roupas muito tempo depois do gênero oposto. (Nesta última sentença mais uma injustiça foi evidenciada, já que as mulheres tiveram algumas possibilidades que os homens já possuíam, tardiamente. Para o bom desenvolvimento da argumentação da redação, tudo o que foi mencionado deve ser explicado, ou seja, resta ainda mostrar o fundamento de tais afirmações) Esse cenário, (A expressão em itálico remete à situação de desigualdade) juntamente aos inúmeros casos de violência contra as mulheres corroboram a ideia de que elas são vítimas de um legado histórico-cultural. (Foi explicado o aspecto do legado histórico-cultural) Nesse ínterim, (Significa um espaço de tempo entre dois fatos, um presente e um passado) a cultura machista prevaleceu ao longo dos anos a ponto de enraizar-se na sociedade contemporânea, mesmo que de forma implícita, à primeira vista. (Esse trecho já foi usado pela aluna como uma argumentação do enraizamento da cultura machista)

Conforme previsto pela Constituição Brasileira, todos são iguais perante a lei, independente de cor, raça ou gênero, sendo a isonomia (Sinônimo de igualdade) salarial, aquela que prevê mesmo salário para mesma função, também garantidas por lei. (A sentença é bem estruturada, pois a aluna cita a isonomia salarial e explica o que ela é. A frase inicial do parágrafo que já revela o argumento ou o problema central que depois é explicado chama-se tópico frasal e é muito recomendado, porque facilita a clareza na explanação) No entanto, o que se observa em diversas partes do país é a gritante diferença  entre os salários de homens e mulheres, principalmente se estas forem negras. (Foi explicado o segundo aspecto mencionado na introdução, o desrespeito às leis. É fundamental que tudo que for citado na redação seja explicado) Esse fato (Fato da diferença salarial. Perceba-se como a redação flui melhor quando as expressões retomam o que já foi falado antes de prosseguir para outras explicações) causa extrema decepção e constrangimento a elas, as quais sentem-se inseguras e sem ter a quem recorrer. Desse modo, medidas fazem-se (Alguns alunos perdem pontos nas redações porque, por exemplo, escrevem em situações como essa, da seguinte maneira: “Precisamos tomar medidas”, o que faz com que a redação não seja dissertativa) necessárias para corrigir a problemática.

Diante dos argumentos supracitados, (Supracitados é o mesmo que citados acima. Essa expressão em itálico cumpre perfeitamente o papel de ser a introdução para uma conclusão, afinal de contas uma conclusão retoma o texto e o finaliza. Nesse caso fica claro que as afirmações que estão na sequencia são o resultado de toda a argumentação feita no texto até este momento, ou seja, uma conclusão) é dever do Estado proteger as mulheres da violência, tanto física quanto moral, criando campanhas de combate à violência, além de impor leis mais rígidas e punições mais severas para aqueles que não as cumprem. Some-se a isso investimentos em educação, valorizando e capacitando os professores, no intuito de formar cidadãos comprometidos em garantir o bem-estar da sociedade como um todo. (Medidas de intervenção para a resolução do problema foram apresentadas, o que cumpre um dos critérios de correção da redação modelo Enem. Ressalte-se ainda que é preciso cuidado ao dizer que certas responsabilidades simplesmente cabem ao Estado. Isso tem sido muito comum nas redações e com o tempo tornou-se mal visto, falta de criatividade ou de visão de outras alternativas)

Gostou da redação ENEM corrigida e comentada? Siga as dicas apontadas entre parênteses ao longo da redação e faça o mesmo na sua!

Aproveite e confira também:

Acompanhe o Beduka nas redes sociais: Facebook e Instagram

Agora que já você já leu essa redação ENEM corrigida e comentada, pode ser que você queira outras dicas:

Baixe o melhor plano de estudos gratuito que você encontrará na internet.

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por pessoas de várias formações, sempre prontas a aprender sobre tudo para publicar os melhores textos e colaborar com a formação de todos os leitores. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador