Biologia

Exercícios sobre Epidemia com Gabarito

Exercícios sobre EpidemiaLista de Exercícios sobre Epidemia com Gabarito

Lista de exercícios dos melhores vestibulares do Brasil sobre Epidemia. Surtos periódicos de uma doença infecciosa em dada população ou região caracterizam uma epidemia. Leia nosso resumo e faça nossa lista de exercícios sobre Epidemia com gabarito.

Quando você terminar os exercícios sobre Epidemia, faça nosso Simulado Enem. Coloque em prática todo o seu estudo, escolhendo as matérias que deseja treinar.

Quando jogamos um potinho de corante na água, a cor se espalha de maneira muito rápida como uma nuvem fluida. De repente, toda a água já está da mesma cor da nuvem.

Podemos perceber algo parecido com as Epidemias. A gotinha, que aqui é uma doença (seja causada por bactéria ou vírus) espalha-se velozmente em meio à população.

Em poucos meses, toda uma região já está tingida, ops, contaminada por aquela doença que começou em apenas um ser vivo.

O que são Epidemias?

As epidemias são surtos de determinadas doenças que ocorrem em alguma localidade. Ela não é uma doença em específico, mas sim, uma categorização que alguma doença com alto índice de infecção pode receber.

No Brasil já aconteceram várias epidemias de diferentes doenças. De malária, varíola, febre-amarela, meningite e outras. Algumas vezes, os surtos, que são aumentos repentinos nos casos, vem e voltam em diferentes momentos.

Ps.: aqui não estamos nos referindo à epidemia de conhecimento que o Beduka está gerando rsrs

Pulando essa piada que merecia um oscar, voltemos ao conteúdo. As epidemias receberam em alguns momentos da história a nomenclatura de peste. Um exemplo bem famoso é a chamada Peste Negra que foi uma pandemia de peste bubônica. 

Eita, percebeu que utilizamos a palavra pandemia ao invés de epidemia? Bem, existe uma diferença entre esses termos.

Qual a diferença entre pandemia e epidemia?

Quando uma epidemia começa a se alastrar para vários países e atinge mais de 2 continentes, ela passa a ser classificada como Pandemia, ou seja, atinge escalas globais. 

Mantém as mesmas características da Epidemia: superam as previsões, possuem altos índices de contaminação, possuem pico e, posteriormente, queda.

Médicos e enfermeiros combatendo o coronavírus na Itália
Médicos e enfermeiros combatendo o coronavírus na Itália (2020)

O coronavírus, que alastrou-se por diversos países do mundo, recebeu a categorização de pandemia. Resumindo, ele é uma epidemia que atingiu, em vez de uma região, parte considerável do mundo.

Como essas doenças se espalham?

Imagine quantas pessoas passam pelos transportes públicos, encostam, espirram e tossem nas superfícies desses locais. Mesmo que tomemos todos os cuidados, ainda assim corremos o risco de ter contato com fluidos ali depositados por outras pessoas.

O uso de equipamentos de proteção, o álcool e a higiene, podem até diminuir a chance de se ter contato com doenças causadas por vírus como é o caso do coronavírus ou da gripe. Porém, outras doenças não virais podem gerar a epidemia.

A forma de infecção é específica de cada doença. A dengue pelo mosquito, a gripe por fluidos corporais de uma pessoa doente e a meningite por uma infecção por bactéria. Fora outras milhares de doenças que a  humanidade teve que enfrentar, como a Gripe Espanhola de 1918 que matou entre 50 e 100 milhões de pessoas.

A Gripe Espanhola no Brasil
Notícia sobre a pandemia de Gripe Espanhola no Rio de Janeiro (1918)

Vivemos em sociedade e temos contato uns com os outros, o que nos torna suscetíveis a nos infectarmos. Existem métodos de prevenção, mas é sabido por todos nós, que as epidemias sempre acontecerão.

A pergunta que fica é: teremos melhor capacidade de controlá-las evitando pandemias?

Que tal depois de fazer os exercícios você deixar seu comentário respondendo a pergunta acima? Contamos com a sua participação.

Exercícios sobre Epidemia com Gabarito

Que tal testar seu conhecimento com exercícios sobre Epidemias? Assim você pode se certificar que entendeu esse conteúdo tão valioso para o ENEM 

Baixe gratuitamente o Plano de Estudos do Beduka e tenha uma preparação perfeita para o ENEM.

Aliás, Parabéns por ter lido até aqui. Você teve uma sábia decisão e está pronto para fazer as questões dos melhores vestibulares do país que separamos para você!

Questão 1 – (Enem 2011) O mapa mostra a área de ocorrência da malária no mundo. Considerando-se sua distribuição na América do Sul, a malária pode ser classificada como:

a) endemia, pois se concentra em uma área geográfica restrita desse continente.

b) peste, já que ocorre nas regiões mais quentes do continente.

c) epidemia, já que ocorre na maior parte do continente.

d) surto, pois apresenta ocorrência em áreas pequenas.

e) pandemia, pois ocorre em todo o continente.

Questão 2 – (Enem 2011) Os sintomas mais sérios da Gripe A, causada pelo vírus H1N1, foram apresentados por pessoas mais idosas e por gestantes. O motivo aparente é a menor imunidade desses grupos contra o vírus. Para aumentar a imunidade populacional relativa ao vírus da gripe A, o governo brasileiro distribuiu vacinas para os grupos mais suscetíveis. 

A vacina contra o H1N1, assim como qualquer outra vacina contra agentes causadores de doenças infectocontagiosas, aumenta a imunidade das pessoas por que: 

a) possui anticorpos contra o agente causador da doença. 

b) possui proteínas que eliminam o agente causador da doença. 

c) estimula a produção de glóbulos vermelhos pela medula óssea. 

d) possui linfócitos que neutralizam o agente causador da doença. 

e) estimula a produção de anticorpos contra o agente causador da doença.

Questão 3 – (Ufes 2004) Atualmente, muitas doenças têm preocupado a população mundial, tais como a AIDS, a febre amarela, o possível retorno da varíola e, mais recentemente, a SARS. Todas elas são causadas por vírus, e sobre esses organismos é INCORRETO afirmar que 

a) são, estruturalmente, semelhantes às bactérias, podendo apresentar DNA ou RNA como material genético. 

b) apresentam ciclos de vida lítico ou lisogênico. No ciclo lítico, determinam a destruição da célula infectada. 

c) comandam o metabolismo celular do hospedeiro para a produção de proteínas de seu capsídeo e duplicação do seu material genético.

d) apresentam a enzima transcriptase reversa, quando têm RNA como material genético, que produz um DNA viral para ser integrado ao DNA do hospedeiro. 

e) são parasitas obrigatórios, mas alguns podem sobreviver cristalizados por muitos anos. 

Questão 4 – (Unirio 2004) DOENÇA MISTERIOSA “Suspeito de ter contraído SARS dá entrada em hospital de Toronto, no Canadá : infecção globalizada. A Organização Mundial de Saúde (OMS) registra oficialmente a existência de mais de 6.000 infectados com a síndrome respiratória aguda grave (SARS). A SARS é transmitida de modo semelhante a uma gripe comum. Possui um agente causador com alta capacidade de mutação e adaptabilidade ao meio ambiente, podendo ficar “adormecido” durante os meses de calor e voltar a atacar no inverno, causando novo surto. Seu código genético é baseado no RNA…”

A SARS tem como agente causador: 

a) uma bactéria 

b) um prion 

c) um vírus 

d) um protozoário 

e) um fungo 

Questão 5 – (Pucrs 2004) A nova genética vem avançando cada vez com maior velocidade no sentido de manipular e conhecer a estrutura, a função e os mecanismos de DNAs, RNAs e proteínas, principalmente no que se refere à intenção de curar doenças. Quanto às enfermidades causadas por agentes infectocontagiosos, até poucos anos atrás era consenso científico que todas as doenças infecciosas seriam causadas por microorganismos como bactérias ou vírus, os quais carregavam seu próprio material genético. 

Hoje, já são do conhecimento da comunidade científica e da sociedade agentes infecciosos que não têm DNA ou RNA. Estes são os chamados príons, os quais constituem versões proteicas modificadas que, uma vez em contato com proteínas normais, alteram nas, infectando os organismos e sendo contagiosos da mesma maneira como são as bactérias ou os vírus. 

Das enfermidades infecto-contagiosas relacionadas a seguir, a única que NÃO é causada por bactérias ou vírus é a: 

a) Doença da Vaca Louca. 

b) Síndrome Aguda Respiratória Grave (SARS). 

c) Cólera. 

d) Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS). 

e) Meningite. 

Questão 6 – (Uece 2018) Atente para a seguinte notícia “A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) confirmou três mortes e sete casos de gripe H1N1 no Ceará. A doença pode causar febres de até 40°.” 

Fonte:https://www.opovo.com.br/noticias/saude/2018/04/confirmados-30-casos-de-h1n1-em-fortaleza.html 

No que diz respeito à gripe H1N1, é correto afirmar que: 

a) para imunizar-se contra a bactéria causadora dessa infecção, a população deve tomar antibióticos e informar-se por meio de fontes seguras. 

b) a infecção bacteriana H1N1 é a mesma da epidemia conhecida como “gripe Espanhola” e também “gripe suína”.

c) diante de uma infecção respiratória de causa viral, como é o caso da H1N1, o antibiótico e a vacina têm o mesmo efeito. 

d) a imunização da H1N1, causada por vírus, deve ser feita por meio de vacinação, além disso, lavar as mãos constantemente pode diminuir a transmissão do vírus. 

Gabarito dos Exercícios sobre Epidemia

Exercício resolvido da questão 1 –

Alternativa correta: a) endemia, pois se concentra em uma área geográfica restrita desse continente.

Exercício resolvido da questão 2 –

Alternativa correta: e) estimula a produção de anticorpos contra o agente causador da doença.

Exercício resolvido da questão 3 – 

Alternativa correta: a) são, estruturalmente, semelhantes às bactérias, podendo apresentar DNA ou RNA como material genético. 

Exercício resolvido da questão 4 –

Alternativa correta: c) um vírus 

Exercício resolvido da questão 5 –

Alternativa correta: a) Doença da Vaca Louca. 

Exercício resolvido da questão 6 –

Alternativa correta: d) a imunização da H1N1, causada por vírus, deve ser feita por meio de vacinação, além disso, lavar as mãos constantemente pode diminuir a transmissão do vírus.

Estude para o Enem com o Simulado Beduka. É gratuito!

Gostou dos nossos Exercícios sobre Epidemia? Compartilhe com os seus amigos e comente abaixo sobre as áreas que você deseja mais explicações.

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por profissionais de várias formações (professores, jornalistas, filósofos), sempre prontos a oferecer os melhores conteúdos educacionais com foco no Enem e colaborar com a formação de todos os alunos. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador