Biologia

O que é sistema imunológico? Imunidade, órgãos e principais características

O que é sistema imunológicoO que é sistema imunológico

O sistema imunológico ou sistema imune é o sistema formado por processos biológicos que tem como principal função proteger o corpo contra doenças e organismos indesejáveis. 

Na prova do ENEM, o sistema imunológico costuma ser cobrado no caderno de Ciências da Natureza e suas tecnologias. Por isso, preparamos esse artigo completo para te ajudar ainda mais para as provas.

O que é sistema imunológico?

O sistema imunológico ou também chamado sistema imune e imunitário é o agrupamento de elementos presentes no corpo humano que possuem uma relação entre si. Essa interação tem como fundamento a defesa do corpo. Assim evita-se que doenças, vírus, bactérias, micróbios e outros fatores prejudiquem a saúde do ser.

No ser humano o sistema imune tem como principal objetivo proteger, é como uma barreira que impede a entrada, permanência e manifestação de organismos indesejados. 

O que é resposta imune?

A resposta imune é o processo de defesa do corpo por meio do sistema imunitário, ela é dividida em dois tipos:

  • Resposta imune inata, natural ou não específica; 
  • Resposta imune adquirida, adaptativa ou específica;

Imunidade inata, natural ou não específica

Constituição do sistema-imunológico-imunidade-natural-inata-ou-não-específica

A imunidade inata, natural ou não específica é considerada a primeira linha de defesa do corpo humano, nós já nascemos com essa defesa física, química e biológica, que são:

  • Pele: A pele é considerada a principal barreira contra agentes infecciosos;
  • Cílios: Os cílios são responsáveis pela proteção dos olhos, assim ele evita que elementos indesejáveis entrem nos olhos;
  • Lágrima: As lágrimas possuem a função de lubrificar e limpar os olhos, assim reforçam a proteção do globo ocular;
  • Muco: O muco tem a função de impedir os microrganismos entrem no sistema respiratório;
  • Plaquetas: As plaquetas agem na coagulação do sangue, ou seja, se o corpo tiver algum ferimento as plaquetas vão agir para reter o sangue;
  • Saliva: Protege contra vírus e lubrifica a boca;
  • Suco gástrico: Age no processo de digestão do alimento e evita a proliferação de microrganismos; 
  • Suor: Auxilia na proteção da pele, impedindo a entrada de fungos.

A imunidade natural pode ser definida também pelas células de defesa, como os leucócitos, neutrófilos e macrófagos. Se essa imunidade não for suficiente, a imunidade adquirida, adaptativa ou específica, entra em ação.

Imunidade adquirida, adaptativa ou específica

organismos-vivos-tentando-entrar-dentro-do-corpo-humano-mas-impedidos-pelo-sistema-imunológico

A imunidade adquirida é aquela que o ser adquire durante a vida, como os anticorpos e as vacinas

Para você lembrar a diferença entre imunidade natural e a adquirida, relacione o seu nome com as características, então a imunidade natural é aquela que está presente em você desde sempre, pois é a primeira linha de defesa, já a imunidade adquirida é aquela que você adquire durante os processos, que podem ser específicas ou adaptativas.

Os mecanismos são desenvolvidos e expostos para que a defesa do corpo evolua e se desenvolva diante dos fatores e processos. Essa imunidade pode ser chamada específica, pois ela é responsável pelo combate específico de certos organismos, como por exemplo vírus e bactérias, para isso basta os linfócitos (células especializadas) serem ativados.

Dentro da imunidade adquiridas duas outras se formam: imunidade humoral e a imunidade celular

A imunidade humoral faz a identificação dos antígenos por meio dos linfócitos B, já a imunidade celular é a defesa mediada por células, por meio dos linfócitos T.

Formação do sistema imune

formação do sistema imune

Diferentes órgãos e diferentes tipos de células constituem todo o sistema imunológico, assim há uma divisão do sistema imunológico da seguinte forma:

  • Células: Leucócitos, linfócitos e macrófagos;
  • Órgãos: Imunitários primários e imunitários secundários.

Vamos entender a função e as principais características de cada célula e órgãos presentes na formação do sistema imunológico.

Células

Veja nossos artigo completo sobre células do sistema imune!

As células são as menores unidades que constituem os seres vivos. As células que possuem como principal função defender o corpo são:

  • Leucócitos;
  • Linfócitos; 
  • Macrófagos.

Leucócitos

Leucócitos ou também denominados glóbulos brancos são as células responsáveis pela produção dos anticorpos que protegem o organismo contra protozoários, fungos, vírus e outros patógenos.

A medula óssea e os linfonodos são os encarregados pela produção dos leucócitos, sendo eles o principal agente do sistema imunológico.

Os glóbulos brancos são classificados da seguinte forma:

  • Neutrófilos: Contornam as células doentes e após serem envolvidas são destruídas;
  • Eosinófilos: Protegem o corpo contra parasitas;
  • Basófilos: Está ligado com o aparecimento das alergias;
  • Fagócitos: Atuam no processo de fagocitose de patógenos;
  • Monócitos: Atuam na defesa dos possíveis patógenos.

Linfócitos

Existem dois tipos de linfócitos o B e linfócitos T, eles tem a função de reconhecer e destruir os microorganismos infecciosos, como por exemplo os vírus e bactérias. 

Macrófagos

Os macrófogos são as células provenientes dos monócitos, sendo responsáveis pela simplificação das partículas e iniciação da resposta imune.

Órgãos

Os órgãos do sistema imune são separados em:

  • Órgãos imunitários primários: Medula óssea e timo;
  • Órgãos imunitários secundários: Linfonodos, baço, tonsilas, apêndice, placas de Peyer.

Órgãos imunitários primários

  • Medula óssea: É um tecido presente no interior do osso, preenchendo todo o espaço necessário. Na medula óssea é onde as hemácias, leucócitos e plaquetas são produzidas;
  • Timo: É a glândula localizada que tem como função auxiliar no desenvolvimento dos linfócitos T. Está presente na cavidade torácica.

Órgãos imunitários secundários

  • Linfonodos: pequenas organizações constituídas pelo tecido linfoide, que são localizadas no caminho dos vasos linfáticos, ou seja, são encontradas por todo o corpo; 
  • Baço: Responsável pela filtração do sangue, destruição das partículas estranhas, microrganismos invasores, hemácias e outras células sanguíneas mortas;
  • Tonsilas: formadas pelo tecido linfoide, ricas em glóbulos brancos;
  • Apêndice: Órgão linfático com muita concentração de glóbulos brancos.
  • Placas de Peyer: acumulação de tecido linfoide ligado ao intestino.

Além de aprender sobre o que é sistema imunológico, você pode testar seus conhecimentos de outras matérias respondendo algumas questões que caíram em edições antigas do ENEM em nosso simulado gratuito.

Gostou de aprender sobre o que é sistema imunológico? Queremos te ajudar também a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por pessoas de várias formações, sempre prontas a aprender sobre tudo para publicar os melhores textos e colaborar com a formação de todos os leitores. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador