Física

O que é Heliocentrismo? Entenda tudo sobre a controversa teoria de Nicolau Copérnico! 

O que é Heliocentrismo?O que é Heliocentrismo?

Heliocentrismo é a teoria que, em sua apresentação inicial, coloca o Sol no centro do universo, ou em sentido estrito, situado no centro do Sistema Solar. A teoria causou bastante polêmica em sua época e foi o motivo da condenação do astrônomo Galileu Galilei pela Igreja Católica. Entenda agora o que é heliocentrismo!

Se você quiser ir diretamente para alguma parte do texto, clique em um dos tópicos abaixo:

Estudando Física para o Enem? Depois de ler nosso resumo sobre o que é heliocentrismo, teste seus conhecimentos com o Simulado Beduka do Enem. Ele é totalmente gratuito e personalizável, acesse agora!

O que é Geocentrismo?

Antes de respondermos sua dúvida sobre o que é heliocentrismo, é interessante que você conheça sua teoria antecessora: o geocentrismo.

O geocentrismo, também chamado de sistema ptolomaico, foi desenvolvido pelo astrônomo grego Cláudio Ptolomeu (100 – 168) no início da Era Cristã. De acordo com essa teoria, a Terra seria o centro do Sistema Solar, e os demais astros orbitariam ao redor dela. 

Ptolomeu afirmava que o Sol, a Lua e os planetas giravam em torno da Terra na seguinte ordem: Lua, Mercúrio, Vênus, Sol, Marte, Júpiter e Saturno. 

Apesar de haver modelos diferentes desde o século IV a.C., a teoria geocêntrica foi amplamente defendida por muitos estudiosos da Antiguidade e da Idade Média. Entre as instituições que o utilizaram está a Igreja Católica, pois apresentava aspectos de passagens bíblicas.

Apesar disso, após 14 séculos, a teoria geocêntrica foi contestada pelo astrônomo Nicolau Copérnico, que descreveu outra teoria sobre o movimento dos planetas: o heliocentrismo.

Veja nosso resumo sobre o Sistema Solar: origem, planetas e curiosidades!

Continue lendo o artigo para compreender o que é o heliocentrismo. 

O que é Heliocentrismo?

O heliocentrismo consiste num modelo teórico de Sistema Solar desenvolvido por Nicolau Copérnico. A palavra vem da junção dos termos gregos “Helios” que significa sol e “Kentron”, que significa centro.

Como afirmava Copérnico, a Terra e os demais planetas movem-se ao redor do Sol, sendo este o verdadeiro centro do Sistema Solar. 

As descrições feitas por Copérnico demonstravam que a Terra girava em torno de si própria como um dos seis planetas conhecidos orbitando o Sol.

Além disso, a ordem dos planetas seria a seguinte: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter e Saturno (somente anos mais tarde foram descobertos Urano, Netuno e Plutão).

O astrônomo ainda calculou as distâncias dos planetas até o Sol. E também estipulou que a velocidade orbital dos planetas é proporcional à distância do Sol.

Contudo, o modelo ainda deixava muito a desejar, pois não trazia mais fundamentos empíricos do que a teoria de Ptolomeu. Somente nos séculos posteriores os físicos trariam mais embasamento à teoria. Entre eles, estão Galileu Galilei e Johannes Kepler. 

Por que o Heliocentrismo causou controvérsia?

Na época, os estudos de Copérnico foram considerados uma subversão pela Igreja Católica, que chegou a colocar sua obra “Revolutionibus Orbium Coelestium” (Das Revolução dos Corpos Celestes) na lista dos livros proibidos pelo Papa Paulo V cem anos depois.

Isso aconteceu, pois ao mudar a posição da Terra no cosmos, o heliocentrismo ia contra o pensamento bíblico de que o homem estando na Terra, também está no centro do universo. 

Por este motivo, um dos principais estudiosos da astronomia, Galileu Galilei (1564 – 1642), apesar de comprovar a teoria do heliocentrismo, negou suas descobertas por ser ameaçado de morte pela Santa Inquisição. 

Em seus últimos anos de vida, Galileu viveu em prisão domiciliar.

Entenda tudo sobre a inquisição neste resumo sobre a Idade Média!

Depois de entender o que é o heliocentrismo e o porquê da teoria ter causado tanta polêmica na época de sua publicação, saiba a importância dela para o estudo da física clássica!

Qual é a importância do Heliocentrismo?

Contemporâneo de Galileu, o astrônomo alemão Johannes Kepler também passa a observar o movimento dos planetas e conclui que a organização cosmológica só pode ser explicada pela Física.

Kepler aperfeiçoou o modelo de Copérnico, considerado confuso, e passou a observar e definir a órbita de Marte.

O trabalho de Kepler, por sua vez, embasou o modelo das três leis da Física que contribuíram para os estudos do físico inglês Isaac Newton (1643 – 1727).

A teoria Heliocêntrica foi aperfeiçoada e comprovada por Galileu Galilei, Kepler e Isaac Newton. Atualmente, é a mais aceita entre a comunidade científica para explicar o movimento e a posição dos planetas no Sistema Solar. 

Gostou do nosso resumo sobre o que é heliocentrismo? Não deixe de conferir outros artigos igualmente interessantes aqui do blog.

Está estudando para o Enem e outros vestibulares? A seguir temos uma oportunidade imperdível para você!

Nós conectamos você à faculdade!

O Beduka é o seu maior parceiro quando o assunto é entrar na faculdade. Aqui você encontra as melhores ferramentas para ficar mais perto do curso dos seus sonhos: resumos, listas de exercícios, simulado, teste vocacional, entre outras…

Mas sabe qual é a melhor de todas? O Beduka Bolsas!

O Beduka Bolsas é uma plataforma onde você pode comprar uma bolsa de estudos de até 65% de desconto e estudar em uma das melhores universidades do Brasil!

É isso mesmo! Temos mais de 90 opções de cursos para você escolher em 8 universidades parceiras. 

Siga nosso Instagram e Pinterest para receber conteúdos e resumos de matérias que caem no Enem e outros vestibulares diariamente e dê um up nos seus estudos!

Obrigada por ler nosso artigo sobre o que é heliocentrismo.

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador