Literatura

Resumo de Feliz Ano Velho de Marcelo Paiva! Tudo sobre a obra!

Resumo de Feliz Ano Velho - Marcelo Paiva!Resumo de Feliz Ano Velho - Marcelo Paiva!

Feliz Ano Velho, de Marcelo Paiva, é uma obra autobiográfica que causou impacto nacional, em sua época. Nela, Marcelo conta como sua vida mudou do dia para a noite, após um acidente que o deixou tetraplégico. Narra sobre a força de vontade em se recuperar e o apoio dos amigos. Fique conosco para saber tudo sobre o resumo de Feliz Ano Velho!

Neste artigo com o resumo de Feliz Ano Velho, você encontrará:

  1. Informações gerais: ficha técnica
  2. Resumo de Feliz Ano Velho
  3. Análise da obra
  • Estudando para as provas? Conheça nosso Simulado gratuito, que pode ser personalizado com as matérias que você mais precisa!

Informações gerais

É importante, principalmente se você não tiver muito tempo para ler a obra completa, conhecer e se recordar dos aspectos técnicos, que podem te guiar na leitura do resumo de Feliz Ano Velho.

Ficha técnica:

Título: Feliz Ano Velho

Autor: Marcelo Rubens Paiva

Ano de publicação: 1982

Nacionalidade: Brasileiro

Foco narrativo: Primeira pessoa

PDF: Feliz Ano Velho

Movimento literário: literatura brasileira contemporânea

Resumo de Feliz Ano Velho 

Resumo-de-Feliz-Ano-Velho-Foto-de-Marcelo-Rubens-Paiva-o-autor-e-escritor-sentado-em-uma-cadeira-de-perfil

Fique agora com o nosso resumo de Feliz Ano Velho, separados em três partes para você se localizar melhor e adentrar na narrativa!

Enredo inicial

Marcelo era um jovem de 20 anos que vivia numa república com seus amigos, estudava engenharia na Unicamp e tinha uma vida de farras, com muitas mulheres. Ele também amava música, tinha uma banda, junto com o seu amigo Cassy, e já participara de concursos, a música fazia parte dele.

Sua família era de boa condição e a única memória triste que sempre o acompanhava era a de seu pai, desaparecido em meio a ditadura militar no Brasil. Certo dia a polícia bateu em casa, levou a mãe, o pai, a irmã mais velha e após os questionamentos; apenas o pai não retornou.

No dia 14 de dezembro, poucos dias antes do Natal de 1979, Marcelo Paiva estava bêbado no meio de um festejo com os amigos e, numa brincadeira, disse que iria buscar o tesouro no fundo do lago. 

Pulou em um “salto do Tio Patinhas”, sem saber que era raso. Seus amigos viram que ele não submergiu rapidamente e que deveria ter sofrido um acidente. Tiraram-no do lago, o colocaram de pé e depois o levaram deitado para um hospital. 

Não se sabe se o fato de logo ter ficado de pé havia agravado a situação, fato é que ele havia fraturado a quinta vértebra cervical e comprimido a medula. Assim, estava tetraplégico, perdera os movimentos abaixo do pescoço.

Desenvolvimento

No hospital, recebia a visita de vários amigos. Havia Nana, com quem já tinha tido uma história, e era uma amiga que morava na mesma república que ele. Agora, no hospital, não o abandonara, dormia lá e lhe dava o jantar.

Também recebia visitas de Marina, uma garota da faculdade que ele tirou a virgindade, e tantas outras assim. Marcelo estava acostumado a viver intensamente sua vida sexual, porém no estado em que estava e com o agravante da sonda no pênis, não sentia tanta necessidade. O que lhe restava era imaginar, principalmente quando via as enfermeiras.

Também havia Veroca, que ia pra lá e ficava lendo um livro para ele. Depois, arrumaram um óculos que o permitia ler deitado e também ver televisão, sozinho. Ainda tinha a mãe, que levava a Folha de São Paulo e danones como forma de carinho.

Já no apartamento, as refeições melhoraram e ele tinha até sobremesa. Deixou a sopinha e as comidas pastosas e passou a comer arroz. Diante do esforço e da vontade de Marcelo, o médico fez planos para o avanço da cura. 

Neste ponto, Marcelo já mexia os braços, mas a sensibilidade dos mamilos para abaixo ainda não tinha voltado. A fisioterapia se intensificava, arrumaram um colete, meteram Marcelo dentro, erguiam a cama cada vez mais e assim ele ia progredindo.

Desfecho

Quando estava apto, foi para cadeira de rodas e voltou a morar na casa da mãe. Ainda assim, os amigos continuavam as visitas e dormiam lá. Com o tempo ele passou a comer sozinho, escrever sozinho e também andar só na cadeira de rodas. Podia descer para piscina, tomar sol, foi ao cinema e até ia a festas.

Foi para um local próprio, já recuperado mas com as sequelas, onde encarava sua nova realidade. Ele adorou o lugar, pois havia pessoas com os mesmos problemas e que poderiam ajudá-lo a responder suas perguntas.

Em uma das festas que foi, encontrou com Bianca, irmã de um amigo. Os dois começaram a namorar e dormiam juntos. Já se completava um ano do acidente. 

Ele se lembrava dos momentos ruins, de como se sentia injustiçado, como queria voltar no tempo minutos antes do salto, de como se sentiu amargurado no ano novo… Mas agora entrava numa nova fase, se trataria, teria respostas, iria curtir Bianca e aproveitaria ao máximo o que ainda podia fazer até que a cura chegasse.

Análise de Feliz Ano Velho

Feliz ano velho é o primeiro livro de Marcelo Rubens Paiva, sendo uma autobiografia escrita aos 26 anos, logo após o seu penúltimo tratamento. Diferentemente de algumas pessoas que sofrem algo e se fecham, resumindo-se a isso; Marcelo sente que é preciso lutar. 

Assim, a linguagem do texto expressa a irreverência e a determinação, além da compreensão de que “o futuro é uma quantidade infinita de incertezas”. A narrativa em primeira pessoa é bastante clara e direta, coloquial, permitindo ao leitor um rápido envolvimento com a trama.

A história não se detém apenas ao aspecto do acidente ocorrido com o personagem, mas também, aborda todas as lembranças e reflexões que são levantadas por ele, trazendo os aspectos externos e internos do humano. Assim, a história tem um teor muito realista, nos direcionando a pensar em nossos próprios valores e questionamentos.

É um livro que dá asas às lembranças e à imaginação, fazendo do trágico uma base para  momentos de humor, ternura e erotismo. Um dos aspectos mais ressaltados além da determinação de Marcelo, é a constante presença e auxílio da amizade.

Gostou do nosso artigo com o resumo de Feliz Ano Velho? Confira outros artigos do nosso blog e se prepare para o Enem da melhor maneira! Você também pode se organizar com o nosso plano de estudos, o mais completo da internet, e o melhor: totalmente gratuito!

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador