EnemTemas que podem cair

Quantas questões de Sociologia tem no Enem? Entenda agora como respondê-las

Quantas questões de Sociologia tem no EnemQuantas questões de Sociologia tem no Enem?

A prova de Ciências Humanas do Enem é composta por 45 questões. Elas podem ser de História, Geografia, Filosofia e Sociologia. Neste artigo você ficará sabendo quantas questões de Sociologia tem no Enem, como os temas são cobrados e como se preparar para respondê-las.

Se quiser ir diretamente para alguma parte do texto, clique em algum dos tópicos abaixo:

Quando você ficar sabendo quantas questões de Sociologia tem no Enem, que tal testar seus conhecimentos com o Simulado Enem do Beduka?

O que é o Enem?

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) é uma prova organizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Sua primeira edição foi realizada em 1998, no governo do presidente Fernando Henrique Cardoso.

O interesse por trás do surgimento do Enem era avaliar os alunos que estavam saindo da educação básica e promover melhorias no ensino através dos resultados obtidos. Foi a primeira vez que se procurou algo do tipo para planejar a educação pública brasileira.

Contudo, já em 1999 houve a autorização para que as universidades usassem as notas dos estudantes como meio de ingresso nos seus cursos. Isso foi intensificado a partir de 2004, quando o governo Lula criou o Programa Universidade Para Todos (Prouni).

Os estudantes que cumprissem os requisitos do programa poderiam adquirir uma bolsa de estudos em instituições privadas de ensino superior, pagas pelo governo.

Em 2010 o Ministério da Educação criou o SISU, Sistema de Seleção Unificada. Ele é uma plataforma digital utilizada pelos estudantes para disputar vagas em universidades públicas que substituíram seus vestibulares pelo Enem de modo parcial ou integral.

Após estas modificações, o Enem se tornou o segundo maior vestibular do mundo, atrás apenas do Gão Kão, da República Popular da China.

Como é a prova do Enem?

Quando começou a ser aplicado em 1998, o Enem era realizado em apenas um dia da semana, com uma única prova de 63 questões. Isso durou até a edição de 2008. No ano seguinte a prova passou por reformulações e ficou da maneira como a conhecemos hoje.

Atualmente o Enem é dividido em duas partes:

  • Quatro provas com questões objetivas;
  • Uma produção textual, que é a redação de tipo dissertativo-argumentativo.

As questões objetivas são num total de 180, divididas pelas quatro áreas do conhecimento (45 para cada área).

Desde 2009, o Enem passou a ser feito em dois dias. Em cada dia de prova o candidato receberá um caderno. Nele, estão as questões de duas áreas do conhecimento, o que dá um total de 90. A prova do primeiro dia traz ainda os textos motivadores para a escrita da redação e o espaço de rascunho.

Assim, temos:

  • 1º dia: Provas de Ciências Humanas, Linguagens e Redação
  • 2º dia: Provas de Ciências Exatas e da Natureza

Os enunciados das questões trazem textos que contextualizam situações diversas. O estudante faz a escolha entre as alternativas com base nisso.

A realização do Enem é em dois domingos seguidos atualmente. Ou seja, há um intervalo de uma semana entre cada caderno de provas.

Como é a prova de Ciências Humanas do Enem?

O foco desse texto é saber quantas questões de Sociologia tem no Enem. Por isso, vamos nos concentrar na prova de Ciências Humanas.

As questões podem ser interdisciplinares, baseadas nos seus eixos temáticos. Assim, exercícios de sociologia podem se relacionar com os das demais matérias da área.

Deste modo, é importante não apenas saber o conteúdo, mas compreender o contexto e a relação entre ele e os problemas apresentados pela questão.

Quantas questões de Sociologia tem no Enem?

Os cadernos de questões do exame não trazem uma divisão entre as matérias, por isso não há como saber exatamente quantas questões de Sociologia tem no Enem. Cada edição vai ter uma quantidade própria.

No entanto, é possível, pela média das edições anteriores, imaginar mais ou menos o total de questões.

Nas últimas provas, a média de questões de Sociologia no Enem foi de 9 questões. Provavelmente esse número vai se repetir no exame que virá..

Quais são os temas de Sociologia mais cobrados do Enem?

Agora que você já tem ideia de quantas questões de sociologia tem no Enem, vamos conhecer os temas mais recorrentes nelas. 

Assim, você poderá otimizar seus estudos, pois poderá dedicar mais tempo aos assuntos mais frequentes.

Na última edição do Enem, as questões de sociologia foram abrangentes, abordando temas da Antropologia, sobre movimentos sociais, relações de gênero, economia e ciência política.

Os temas que mais deram as caras em todas as edições foram:

  • Sociologia Contemporânea;
  • Cidadania;
  • Cultura e educação;
  • Política, poder e Estado;
  • Capitalismo.

Quer saber mais? Leia nosso texto sobre a melhor forma de estudar sociologia e se prepare ainda melhor.

Como responder as questões de sociologia que tem no Enem?

Os temas das Ciências Humanas são bastante densos e pedem mais que a memorização. Por isso, independente de quantas questões de sociologia tem no Enem, é necessário compreender os tópicos para ter uma boa taxa de acertos.

Por isso, não deixe nada de lado. Lembre-se que datas, nomes e lugares são muito importantes. Pois eles são cobrados nas provas para verificar o domínio sobre o conteúdo.

Existe sempre a possibilidade de conferir o edital e a matriz de referências do Enem. Eles te mostram como os conteúdos são cobrados e as habilidades e competências exigidas pelo exame.

Algumas dicas para otimizar os estudos são:

  • criar relação entre os temas;
  • ir dos tópicos mais básicos para os mais difíceis;
  • anotar definições de conceitos e o que achar mais difícil de lembrar.

A Sociologia aparece no Enem tanto nas questões específicas, quanto em questões interdisciplinares. Nas específicas, o costume é que apareçam períodos de transição e tratem de transformações sociais, de causas e consequências.

Esteja atento ao fato de que a Sociologia não trabalha apenas com o passado. As questões podem tratar também de conceitos e do contexto atual do mundo. Por isso, leia notícias e pesquise sobre sociólogos.

Exemplos de questões de Sociologia do Enem

Esperamos que sua dúvida tenha sido resolvida. Agora que você já tem uma ideia de quantas questões de Sociologia tem no Enem, vamos ver alguns exemplos delas.

Questões de Sociologia no Enem

A participação da mulher no processo de decisão política ainda é extremamente limitada em praticamente todos os países, independentemente do regime econômico e social e da estrutura institucional vigente em cada um deles. É fato público e notório, além de empiricamente comprovado, que as mulheres estão em geral sub-representadas nos órgãos do poder, pois a proporção não corresponde jamais ao peso relativo dessa parte da população.

TABAK, F. Mulheres públicas: participação política e poder. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2002.

No âmbito do Poder Legislativo brasileiro, a tentativa de reverter esse quadro de sub-representação tem envolvido a implementação, pelo Estado, de

a) leis de combate à violência doméstica.

b) cotas de gênero nas candidaturas partidárias.

c) programas de mobilização política nas escolas.

d) propagandas de incentivo ao voto consciente.

e) apoio financeiro às lideranças femininas.

A democracia deliberativa afirma que as partes do conflito político devem deliberar entre si e, por meio de argumentação razoável, tentar chegar a um acordo sobre as políticas que seja satisfatório para todos. A democracia ativista desconfia das exortações à deliberação por acreditar que, no mundo real da política, onde as desigualdades estruturais influenciam procedimentos e resultados, processos democráticos que parecem cumprir as normas de deliberação geralmente tendem a beneficiar os agentes mais poderosos. Ela recomenda, portanto, que aqueles que se preocupam com a promoção de mais justiça devem realizar principalmente a atividade de oposição crítica, em vez de tentar chegar a um acordo com quem sustenta estruturas de poder existentes ou delas se beneficia.

YOUNG, I. M. Desafios ativistas à democracia deliberativa Revista Brasileira de Ciência Política, n. 13, jan-abr. 2014.

As concepções de democracia deliberativa e de democracia ativista apresentadas no texto tratam como imprescindíveis, respectivamente,

a) a decisão da maioria e a uniformização de direitos.

b) a organização de eleições e o movimento anarquista.

c) a obtenção do consenso e a mobilização das minorias.

d) a fragmentação da participação e a desobediência civil.

e) a imposição de resistência e o monitoramento da liberdade.

Gabarito dos exercícios

Depois de entender quantas questões de Sociologia tem no Enem e ver alguns exemplos de exercícios exigidos, é hora de avaliar se as suas respostas estão corretas.

Questão 1: alternativa correta letra b) cotas de gênero nas candidaturas partidárias.

Questão 2: alternativa correta letra c) a obtenção do consenso e a mobilização das minorias.

Prepare-se para o Enem com o Beduka!

Com este texto você ficou sabendo quantas questões de Sociologia tem no Enem e como elas podem ser cobradas no Exame. Também te demos algumas dicas de estudos e os assuntos mais cobrados. Mas você sabia que podemos te ajudar ainda mais?

Acesse o Pinterest do Beduka e veja diversos resumos de matérias.

O ENEM é uma prova que exige muito do participante, por isso é essencial se preparar para alcançar bons resultados. Além de entender quantas questões de Sociologia tem no Enem, aproveite para ler aqui:

Você já definiu qual carreira vai seguir na faculdade? Se ainda não sabe, faça já o Raio-x do Beduka e descubra profissões que combinam contigo!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador