Biologia

O que é Predatismo? Entenda tudo sobre a relação ecológica com exemplos reais

O que é Predatismo?O que é Predatismo?
Mude de vida com Beduka Bolsas

Você sabia que na vida real a amizade entre o leão Alex e a zebra Marty do filme Madagascar não seria possível? Isso porque, fora das telas (e dos zoológicos), esses animais são predador e presa!  

O predatismo é uma relação ecológica interespecífica desarmônica em que um organismo captura e mata outro para se alimentar. 

Neste artigo, além de entender todos os detalhes sobre o que é predatismo, você também vai aprender o que são as relações ecológicas e como o predatismo e a seleção natural estão relacionadas com algumas adaptações evolutivas, como o mimetismo e a camuflagem. 

A seguir, você vai conferir um resumo completo sobre o que é predatismo. Se preferir, pode ir diretamente ao assunto clicando em um desses tópicos:

Temas relacionados à ecologia são figurinhas carimbadas quando o assunto é Enem. Que tal praticar questões de provas anteriores com o Simulado Enem do Beduka? Ele é 100% gratuito!

O que são as relações ecológicas?

O predatismo é uma das relações ecológicas, por isso, antes de respondermos o que é predatismo, vamos entender o que elas são e como são classificadas.

Em um ecossistema existem diversos tipos de relações entre os seres vivos. 

As interações que ocorrem entre indivíduos da mesma espécie são chamadas de relações intraespecíficas. 

Já as interações que ocorrem entre indivíduos de espécies diferentes são denominadas de relações interespecíficas. 

Em alguns casos, ambos os participantes da relação são beneficiados, isso quer dizer que suas chances de sobrevivência e reprodução aumentam. Dessa forma, quando não há prejuízo para nenhum dos associados, dizemos que a relação é harmônica

Já quando um participante é beneficiado e o outro sofre algum prejuízo (e suas chances de sobrevivência e reprodução diminuem) chamamos essa interação de relação desarmônica.

Veja a seguir os diversos tipos de relações ecológicas e suas classificações:

  • Relações Intraespecíficas Harmônicas: sociedade e colônia.
  • Relações Interespecíficas Harmônicas: mutualismo, protocooperação e comensalismo.
  • Relação Intraespecífica Desarmônica: competição.
  • Relações Interespecíficas Desarmônicas: competição, predatismo e parasitismo. 

Depois de entender como funcionam as interações entre os organismos, entenda o que é o predatismo, um tipo de relação ecológica desarmônica. 

Quer saber mais sobre o assunto? Leia nosso resumo completo sobre Relações Ecológicas!

O que é predatismo?

A palavra predatismo vem do latim e significa “caçar”. Nesse tipo de relação, um organismo (predador) mata outro (presa) para se alimentar. 

Essa interação é bastante comum na natureza e um exemplo bem comum ocorre entre os mamíferos carnívoros (leão, leopardo etc.), que caçam os mamíferos herbívoros (gazelas, zebras etc.). 

A herbivoria ou herbivorismo, é uma relação semelhante ao predatismo, que acontece entre animais herbívoros e as plantas das quais se alimenta. 

Exemplos de predatismo

Confira alguns exemplos para entender na prática o que é predatismo:

  • Leão alimentando-se de uma zebra;
  • Tubarão alimentando-se de uma foca;
  • Serpente alimentando-se de um camundongo;
  • Crocodilo alimentando-se de um gnu;
  • Orca alimentando-se de peixes.

Qual é a relação entre o predatismo e a seleção natural?

A seleção natural atua tanto no favorecimento dos predadores mais eficientes quanto na defesa de presas e plantas contra a predação e herbivoria. 

Isso acontece pois a maior parte dos predadores não escolhe sua presa por acaso. Um guepardo captura antílopes menos velozes, e da mesma forma, os guepardos que não forem suficientemente velozes terão mais chances de morrer de fome.  

Depois de aprender o que é predatismo, que tal entender como funciona a Seleção Natural?

Dessa forma, existem três adaptações evolutivas que são encontradas tanto em presas quanto em predadores: a camuflagem, a coloração de advertência e o mimetismo. Confira mais detalhes a seguir! 

Camuflagem

Por meio desse mecanismo, o animal confunde-se, no aspecto ou na cor, com o ambiente em que vive. 

Esse fenômeno, dificulta a visualização pelo predador ou pela presa. Para a presa, a camuflagem serve de defesa, pois ajuda a se esconder do predador. Para o predador, serve para facilitar sua aproximação para o ataque. 

Exemplos de camuflagem: urso polar na neve, leão no capim seco, pássaros verdes nas árvores, bicho-pau em troncos, etc. 

Coloração de Advertência

Também chamada de coloração aposemática ou aposematismo, a presa apresenta uma cor ou aspecto que funciona como um sinal para o predador de que ela tem defesas contra ele. 

Essas defesas podem ser gosto ruim, liberação de secreções irritantes ou certos tipos de venenos. A coloração de advertência permite que os predadores aprendam que essas defesas existem e passem a evitar esses animais. 

Exemplos de animais com aposematismo: rãs, salamandras, gambás, camarões mantis, borboletas monarca, entre outros. 

Mimetismo

Através dessa adaptação, os animais de determinada espécie se assemelham aos de outra espécie venenosa, não palpável ou perigosa para o predador.

Com o mimetismo, o animal passa a ser poupado, pois engana o predador que já teve experiências desagradáveis com o animal mimetizado e aprendeu a evitá-lo, 

Bdeuka Bolsas de Ano Novo

 Exemplos de animais com mimetismo: borboletas, cobra-coral-falsa, polvo, vespas, etc. 

Qual é a diferença entre predatismo e parasitismo?

É comum confundir o que é predatismo com o parasitismo, afinal, ambas são relações interespecíficas desarmônicas (trazem prejuízos para uma das partes).

Porém, os parasitas são organismos que se instalam no corpo de outros seres para extrair alimento. Chamamos os seres que servem de moradia e dos quais os parasitas extraem alimento de hospedeiros

Apesar de não causar a morte imediata de seu hospedeiro, o parasita o enfraquece e prejudica suas funções orgânicas, sendo responsáveis por diversas doenças. 

Exemplos de parasitas: vírus, bactérias, protozoários, fungos, vermes, insetos e algumas plantas, como o cipó-chumbo. 

Esperamos que com esse resumo completo, sua dúvida sobre o que é predatismo tenha sido respondida. 

Agora resolva nossa lista com os melhores exercícios sobre Relações Ecológicas!

O predatismo pode cair no Enem?

A Ecologia é o assunto de Biologia que conta com mais questões na prova de Ciências da Natureza. Só para ter uma ideia, cada edição tem pelo menos 3 questões envolvendo conceitos ecológicos. 

E as relações ecológicas sempre costumam dar as caras em uma edição ou outra. 

Além das interações em si, as adaptações que os seres vivos apresentam, como o mimetismo e camuflagem, também são bastante mencionadas na prova.

Então já fique esperto: pratique com o Simulado Enem do Beduka! 

O Simulado Enem Beduka é a melhor maneira de se preparar para a prova. 

Nele você aprende praticando com questões de edições anteriores, pode personalizá-lo como quiser e ainda tem acesso ao gabarito com método TRI de correção. Tudo isso de forma 100% gratuita!

Siga o Beduka nas redes sociais: 

No Instagram postamos tudo que pode cair no Enem e no Pinterest você encontra os melhores resumos sobre todas as matérias. Estamos te esperando!

Obrigada por ler nosso resumo sobre o que é predatismo.

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador