Biologia

O que é virose? Entenda sobre o agente causador, os sintomas, como tratar e muito mais!

O que é ViroseO que é Virose

Virose é um termo genérico para designar qualquer patologia provocada por um vírus. Nesse conceito original, um infinidade de doenças são cabíveis. Contudo, popularmente falando, o termo ganhou um significado contextualizado: refere-se às gripe e mal-estares do corpo humano. Fique conosco para descobrir todos os detalhes sobre o que é uma virose!

Neste artigo sobre o que é virose, você encontrará:

  1. O que é virose: agente e tipos
  2. Doenças e sintomas
  3. Diagnóstico, tratamento e prevenção

O que é virose

No termo original da palavra, a virose é qualquer enfermidade causada por um vírus. Contudo, os vírus são seres tão mutáveis e diversos, que possuem centenas de “parentes”. Com isso, cada tipo de vírus é capaz de desencadear uma doença diferente, desde gripes até doenças graves.

No termo comum, popular e de significado generalizado, “viroses” acabam se referindo somente às gripes e demais mal-estares. As viroses estão entre os problemas mais comuns nos serviços de Pronto Atendimento, devido a sua fácil forma de contágio e alta mutabilidade, fazendo com que a memória imunológica não seja suficiente para combater todas as variações.

Quase todos os tipos de gripe – “viroses respiratórias” – são causados por uma variação dos vírus Influenza. Já as populares “viroses gastrointestinais” por variações do Rotavírus ou Norovírus. Os resfriados costumam ter sintomas mais brandos e costumam ser combatidos naturalmente pelo organismo, raramente chegam a ter complicações; mas isso é possível se o organismo já estiver debilitado.

O que são vírus?

Os vírus são seres acelulares parasitas, ou seja, precisam de ocupar as células de seu hospedeiro para conseguir se reproduzir e sobreviver. Essa ocupação acabam afetando a estrutura da célula, seus produtos metabólicos e ritmo de divisão. Como existem milhares de tipos de vírus, não se pode generalizar quais são as consequências

Há vírus que apenas rompem algumas poucas células e logo são combatidos pelo corpo, como os resfriados. Há outros que afetam todo um órgão mas que também são possíveis de ser combatidos, como as gastrointestinais. Há aquelas que causam tanto dano que se tornam impossíveis de serem curadas, apenas contidas, como a AIDS.

Para saber mais sobre os vírus, estude pelo artigo especial que preparamos especialmente sobre esse assunto!

Doenças e sintomas das viroses

O-que-é-virose-sintomas

Muitas vezes os sintomas de viroses podem ser simples, passam despercebidos ou são curados naturalmente. Estes nem levam a pessoa ao médico. 

Porém, é essencial buscar ajuda se os sintomas perdurarem por mais de 5 dias ou se em poucos dias estiver atrapalhando as atividades que você fazia com tranquilidade, antes.

Diante de qualquer suspeita, é coerente ligar para o médico e pedir recomendações antes de se dirigir ao hospital, pois se for um resfriado ou virose comum, você não lotará o pronto socorro, não correrá risco de contrair ou transmitir doenças; e ainda sim terá as recomendações do que fazer.

Os sintomas mais comuns manifestados pelas viroses respiratórias são:

  • Obstrução nasal
  • Dor de garganta
  • Febre
  • Tosse
  • Falta de apetite
  • Coriza
  • Mal-estar

Os sintomas mais comuns manifestados pelas viroses gastrointestinais são:

  • Náusea
  • Vômitos
  • Dor abdominal
  • Cólicas
  • Diarreia
  • Mal-estar
  • Febre 

Doenças como dengue, febre chikungunya, Zika vírus, malária e febre amarela costumam ter sintomas específicos que ajudam a diferenciá-las:

  • Manchas na pele, em caso de dengue e Zika vírus
  • Dores fortes nas articulações, como na febre chikungunya e febre Mayaro
  • Calafrios e ligeira rigidez na nuca, comuns na malária
  • Pele amarelada (icterícia) e hemorragias, característicos da febre amarela

Há ainda aqueles vírus que atuam com mecanismos únicos e complexos, como o HIV que causa a AIDS, o Coronavírus que causa a COVID-19, e os outros que causaram tantas doenças devastadoras mundialmente, como a Gripe Espanhola.

Para saber mais sobre essas doenças , veja nosso artigo Doenças que mais caem no Enem!

Diagnóstico, tratamento e prevenção de viroses

O diagnóstico de uma virose é feito com base no exame clínico dos sintomas e do histórico do paciente (em que o médico investiga com o paciente sobre os lugares que esteve, seu modos alimentares e de higiene sanitária, dentre outros aspectos. 

Se as características dos sintomas e descrições do paciente convergirem para uma virose específica (como Dengue, Aids, Coronavírus), o médico pede a realização de exames de sorologia para obter a confirmação.

Tratamento de viroses

Não há medicamentos específicos para as viroses comuns e o quadro costuma melhorar após alguns dias. Repouso, hidratação constante e analgésicos para os sintomas costumam ser recomendados pelos médicos. É importante ressaltar que um paciente não deve se automedicar, isso tem causado sérios problemas na vida das pessoas!

No caso dos tratamentos para as enfermidades graves e específicas, o médico avaliará outros aspectos: grau de avanço da doença, os resultados dos exames e outros fatores determinados. A análise final determinará quais os tipos de medicamentos utilizar, se haverá internação e como prosseguir.

Entenda mais e treine questões sobre Vacinas!

Prevenção de viroses

O-que-é-virose-prevenção

As viroses respiratórias tem como fator de transmissão as gotículas da boca e do nariz expelidas pelo infecto. Essas gotículas podem chegar diretamente à boca ou ao nariz da pessoa saudável. Ainda há a possibilidade de ficarem sobre mãos ou objetos e haver contaminação indireta.

Já as viroses gastrointestinais, além de poder ser transmitidas segundo a forma citada acima, também se disseminam através do contato fecal-oral. Mãos, objetos ou alimentos contaminados com fezes de uma pessoa infectada se tornam meios de transmissão.

Os vírus específicos, como Herpes, HPV, HIV; também são transmitidos por contato com outros fluidos corporais, como sangue ou secreções sexuais.

Por isso, as medidas mais indicadas para prevenção de viroses são:

  • Alimentação saudável, variada, e em intervalos razoáveis
  • Higiene pessoal (lavar as mãos sempre, não compartilhar objetos pessoais, manter roupas e sapatos sempre limpos, limpar a casa com frequência, etc)
  • Evitar contato próximo com indivíduos que apresentam sintomas suspeitos ou confirmados Se você for o contaminado, evite contato próximo com terceiros ou encostar em muitos objetos para reduzir a disseminação do vírus
  • Sempre lavar frutas e legumes em água corrente e higienizá-los com soluções cloradas. O Ministério da Saúde indica uma colher (sopa) de hipoclorito de sódio (água sanitária própria para alimentos) para cada litro de água e deixar agir de 15 a 20 minutos. Depois, enxaguar bem antes de consumir
  • Buscar conhecer, conversar e saber bem das pessoas com que se relaciona
  • Manter-se constantemente hidratado e fazendo atividades físicas

Gostou do nosso artigo sobre o que é virose? Confira outros artigos do nosso blog e se prepare para o Enem da melhor maneira! Você também pode se organizar com o nosso plano de estudos, o mais completo da internet, e o melhor: totalmente gratuito!

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador