História

Quais eram os países da União Soviética? Conheça as 15 nações que faziam parte dessa superpotência

quais eram os países da união soviéticaquais eram os países da união soviética

A União Soviética era uma união de diversos países com ideologia socialista, governada pelo Partido Comunista da União Soviética.

Sua capital ficava em Moscou e sua história se confunde bastante com a Rússia, o principal país do bloco. Quer conhecer os demais?

Então continue lendo para descobrir quais eram os países da União Soviética, sua história e como eles se tornaram independentes.

Se você quiser ir diretamente para alguma parte do texto, clique em um dos tópicos abaixo:

Ainda não sabe como usar a nota do Enem para entrar na faculdade? Baixe nosso ebook “O que fazer com a nota do Enem” e descubra todas as possibilidades.

O que foi a União Soviética?

A União Soviética foi um conjunto de repúblicas que existiu no século XX até sua dissolução em 1991. Todos os países eram unidos pela ideologia socialista e acordos econômicos e militares, como o Pacto de Varsóvia.

Ela também é conhecida pela sigla URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas), ou CCCP (Союз Советских Социалистических Республик, União Soviética em russo).

Seu governo era um regime unipartidário, comandado pelo Partido Comunista da União Soviética. A capital ficava em Moscou.

O nome “soviética” deriva de sovietes, órgãos semelhantes aos sindicatos que tinham função deliberativa. Ou seja, tinham poder de decidir sobre algumas questões através de votação. Eram compostos pelos delegados dos trabalhadores, camponeses e soldados.

A União Soviética era formada por 15 estados subnacionais, que se tornaram independentes após anos de luta para que isso acontecesse. Veja a seguir quais eram os países da União Soviética.

Quais eram os países da União Soviética?

Como vimos, os países que fizeram parte da União Soviética eram 15 ao todo. Conheça um pouco sobre eles.

1- Rússia

A Rússia foi o primeiro e mais importante país da União Soviética e a história das duas se confunde bastante.

A capital da URSS ficava em seu território e era de lá que o partido controlava os demais países.

2- Ucrânia

A Ucrânia fazia parte do Império Russo, que deixou de existir em 1917. Com isso, surgiu um movimento nacionalista na região, que buscou a independência da Rússia até 1920.

Em 1919, a Ucrânia se tornou uma república socialista e se incorporou à URSS em 1922.

Com os recentes conflitos diretos que Ucrânia e Rússia têm travado nos tempos atuais, há historiadores que dizem que a guerra pela independência ucraniana nunca teve, de fato, um fim.

3- Belarus (ou Bielorrússia)

Belarus ou Bielorrússia fazia parte do Império Russo e se tornou independente em 1918, após as negociações que retiraram a Rússia da Primeira Guerra Mundial.

Mas sua independência durou pouco tempo, pois o país foi dividido entre Polônia e Rússia após a Guerra Polonesa-Soviética. A parte que ficou com a Rússia se tornou uma república socialista incorporada à URSS em 1922.

Está curtindo saber quais eram os países da União Soviética? Ainda temos muitos pela frente!

4- Estônia

É um dos países bálticos, situado no nordeste da Europa. Seu território foi conquistado pelos russos no século XVIII e só se tornou um Estado independente em 1918, após a Revolução.

Porém, em 1940 foi ocupada pela URSS, passando a integrar o Estado soviético. 

Com o fim da União Soviética em 1991, a Estônia voltou a ter domínio do próprio território e suas políticas fizeram o país avançar em velocidade hipersônica, já tendo um salário médio maior que o do Brasil, por exemplo.

O próprio Ex-Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, falou que os EUA podiam aprender algo com os estonianos.

5- Letônia

A Letônia fica ao sul da Estônia e também integrou o império russo até 1918, quando conseguiu sua independência. Em 1934, sofreu um golpe de estado liderado por Karlis Ulmanis, o então primeiro-ministro do país.

Com o golpe, ele acumulou também os poderes de presidente da república. Essa situação perdurou até 1940, quando a Letônia foi invadida pela União Soviética e Ulmanis foi feito preso político.

Desta maneira, a Letônia se tornou um dos países que eram da URSS. Assim como a Estônia, ao se libertar, a Letônia tomou medidas para aumentar sua economia e hoje ostenta a 18ª posição do ranking mundial de liberdade econômica.

6- Lituânia

A Lituânia também fez parte do império russo, anexada em 1795. Sua independência foi restabelecida em 1918, mas em 1940 foi ocupada pela União Soviética.

A invasão se deu graças à cláusula secreta do Pacto Ribbentrop-Molotov assinado pelos soviéticos e os nazistas. Ela dividia o leste europeu em áreas de influência da URSS e da Alemanha. 

Repetindo o padrão, Lituânia está uma posição acima da Letônia no ranking de liberdade econômica e é um dos países mais abertos para negócios de toda a Europa.

7- Armênia

A Armênia era uma nação muito antiga, conhecida por ter sido a primeira a se cristianizar, quando o rei Tiridate III tornou o Cristianismo a religião oficial do país.

Em 1922 ela foi anexada pela União Soviética junto com a Geórgia e o Azerbaijão, compondo a República Federativa Socialista Soviética Transcaucasiana.

Está curtindo saber quais eram os países da União Soviética? Ainda temos muitos pela frente!

8- Geórgia

A Geórgia é um país no Cáucaso, região sudeste da Europa, vizinho à Armênia. Ela fez parte do Império Russo de 1800 até 1918, quando declarou sua independência durante a Guerra Civil Russa.

Em 1921 o exército vermelho invadiu o país e a submeteu novamente, tornando-a uma república socialista soviética.

A Geórgia se libertou em 1991 quando URSS deixou de existir, mas recentemente (em 2003) foi invadida de novo por Vladimir Putin, presidente da Rússia. Invasão que resultou em 20% do território do país ser colocado sob domínio russo. 

Apesar disso, a Geórgia ainda conseguiu um crescimento de 10% ao ano, se tornando um país extremamente fácil de investir e com uma forte filosofia de combate à corrupção.  

9- Moldávia

País do leste europeu que não possui fronteiras marítimas. Seu território foi disputado pelas potências da região, como o Império Russo, do qual fez parte entre 1878 e 1918.

Sofreu também com as implicações do Pacto Ribbentrop-Molotov e foi anexada pelos soviéticos no curso da Segunda Guerra Mundial.

Depois que descobrir quais eram os países da União Soviética, leia também nosso resumo completo sobre a Revolução Russa. Agora se prepara porque vão começar o “stãos”.

10- Azerbaijão

O Azerbaijão foi a primeira tentativa de criar uma república secular no mundo muçulmano. Tornou-se independente do império russo em 1918 e permaneceu assim até ser ocupado pelo exército vermelho em 1920, que o incorporou à URSS em 1922.

11- Cazaquistão

O Cazaquistão se localiza na Ásia Central e também fez parte do império russo. Apesar de ter passado por um período de autonomia quando o império caiu em 1917, caiu no jugo da União Soviética em 1920.

12- Tadjiquistão

País da Ásia central que fez parte do império russo, que o anexou no século XIX. Após a Revolução de 1917 se tornou um dos países da União Soviética.

13- Quirguistão

O Quirguistão se situa na Ásia Central e faz fronteira com a China, o Cazaquistão, o Uzbequistão e o Tadjiquistão. Também fez parte do império russo e mais tarde se tornou uma república socialista soviética.

14- Turcomenistão

Foi anexado ao império russo em 1881 e era um dos pontos mais importantes da rota da seda, por onde se fazia comércio com a China. Tornou-se uma república socialista soviética em 1924.

15- Uzbequistão

Por último, o Uzbequistão, que assim como a maior parte dos países os quais eram da União Soviética, o território que hoje é o Uzbequistão foi incorporado ao império russo no final do século XIX.

Ele é composto de diversas entidades territoriais que foram unificadas em 1924 na República Socialista Soviética do Uzbequistão, quando passou a integrar a URSS.

Agora que você já sabe quais eram os países da União Soviética, fique por dentro do que era o Bloco Soviético na Guerra Fria.

Resumo da História da União Soviética

A história da União Soviética se inicia com a Revolução Russa de 1917 e se estende até o final do século XX, quando o Estado foi extinto e as nações que faziam parte se tornaram independentes. 

Veja um resumo da história da URSS para saber mais sobre quais eram os países da União Soviética.

Revolução Russa

A Revolução Russa de 1917 marcou a ascensão dos bolcheviques, liderados por Vladimir Lênin, ao poder no país. Eles eram a maioria socialista do Partido Operário Social-Democrata Russo (POSDR), fundado em 1898.

Isso aconteceu após uma crise social que levou o Czar Nicolau II a renunciar ao trono, no início de 1917. A população sofria os efeitos do despotismo, da Primeira Guerra Mundial e da crise econômica que aplacava o povo.

Os bolcheviques eram a extrema-esquerda, com um projeto marxista de socializar os meios de produção, de instaurar a ditadura do proletariado e levar o país ao comunismo.

A ascensão deles ao poder teve uma resposta contra-revolucionária, apoiada por potências estrangeiras. Isso gerou a Guerra Civil Russa entre 1918 e 1921, vencida pelo exército vermelho bolchevique.

Eles consolidaram o poder na Rússia e deram início ao processo de formação da União Soviética.

Stalinismo

Com a morte de Lênin em 1924, a disputa pelo poder ficou entre seus dois aliados mais próximos. León Trotsky e Joseph Stalin.

Stalin saiu vencedor e governou a URSS até 1953. Seu governo ficou marcado pela perseguição aos seus opositores e pelo Totalitarismo.

Contudo, poucas pessoas no mundo ocidental o criticavam, pois tinham receio de desestabilizar a única experiência socialista bem sucedida até então. 

Também tinha o fato de que ele ajudou a derrotar o Nazismo e o Fascismo na Segunda Guerra Mundial e isso ajudou a blindá-lo de críticas.

Guerra Fria

Quando a Segunda Guerra Mundial terminou, somente dois países tinham condições de se manterem na disputa pela hegemonia mundial: Estados Unidos e União Soviética.

O mundo ficou dividido em dois pólos liderados pelos dois países. Como a disputa entre eles era mais no campo ideológico, tecnológico e econômico, ela ficou conhecida como Guerra Fria. 

Os conflitos armados eram conhecidos como guerras por procuração, pois eram disputados contra terceiros que os representavam.

Esse período ficou conhecido pelas corridas armamentista e espacial, nas quais Estados Unidos e União Soviética tentavam superar um ao outro na quantidade de armas e no domínio do espaço.

Saiba mais sobre o mundo pós Segunda Guerra Mundial e quais eram os países da União Soviética com nosso texto sobre a Guerra Fria.

Queda da União Soviética

A partir da década de 1980, os países que eram da União Soviética começaram a se revoltar contra o governo de Moscou e buscar sua independência. Isso se intensificou quando o país passou por uma estagnação econômica, deixando de crescer.

Com isso, a população teve uma grave queda na qualidade de vida.

O presidente Mikhail Gorbachev implementou programas de liberalização econômica e de transparência política. Eles ficaram conhecidos como Perestroika e Glasnost, respectivamente.

Porém, isso não foi suficiente. Em 1989 diversos países passaram por revoluções, que levaram à sua independência. Em 1991 a União Soviética foi dissolvida.

Quer entender mais sobre a queda da União Soviética? Acesse nosso texto sobre o fim deste país.

Exercícios sobre os países da União Soviética

Agora que você já sabe quais eram os países da União Soviética e um pouco da história deste Estado, faça alguns exercícios de fixação do conteúdo. Não esqueça de conferir o gabarito depois.

Questão 1 – (Ieses) No período de 1945 a 1989, existiu entre os Estados Unidos da América e a União Soviética uma situação permanente de antagonismo, provocada pela oposição ideológica dessas duas potências. Esse período recebeu a denominação de:

a) Segunda Grande Guerra Mundial.

b) Cortina de Ferro.

c) Guerra Fria.

d) Tratado de Berlim.

e) Corrida Armamentista.

Questão 2 – (ENEM) Entenda a crise na Ucrânia

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, e dois líderes da Crimeia assinaram, em março de 2014, um acordo para tornar a República Autônoma parte da Rússia. O tratado foi assinado dois dias após o povo da Crimeia aprovar em um referendo a separação da Ucrânia e a reunificação com a Rússia. A votação foi condenada por Kiev e pela comunidade internacional, que a considera ilegítima.

Disponível em: http://g1.globo.com. Acesso em: 28 out. 2014 (adaptado).

A justificativa para o acordo descrito fundamentava-se na ideia de

 a) espaço vital.

 b) limite fronteiriço.

 c) estrutura bipolar.

 d) autonomia econômica.

 e) identificação cultural.

Gabarito dos exercícios sobre os países da União Soviética

Exercício resolvido da questão 1

c) Guerra Fria.

Como vimos, a Guerra Fria foi travada entre URSS e Estados Unidos, cuja principal oposição era ideológica. Os países não entraram em conflito armado direto, mas influenciavam o mundo para dominar ideologicamente.

Exercício resolvido da questão 2

e) identificação cultural.

A região da Ucrânia está historicamente ligada à Rússia, sendo a capital ucraniana tida como a origem do povo russo. Assim, a identificação cultural entre as duas nações influencia na relação entre ambas.

Parabéns por ter feito todas as questões sobre quais eram os países da União Soviética. Agora veja uma oportunidade de ouro que o Beduka está te dando.

O que você vai fazer com sua nota do Enem?

Você com certeza se esforçou bastante para tirar uma nota alta no Enem. Mas deixa eu te contar uma coisa:

Se você não souber usá-la com estratégia, dificilmente vai conseguir entrar na faculdade.

Como eu sei que você não quer isso, eu vou te ajudar. O Beduka é o seu maior parceiro quando o assunto é conseguir uma vaga no curso dos seus sonhos.

Eu e a minha equipe fizemos um ebook que vai te dar as principais informações sobre os programas do governo que abrem vagas nas faculdades.

Colocamos o máximo de empenho para cumprir nosso objetivo de te levar à faculdade.

E se você quiser chegar lá sem enfrentar concorrência, também há um outro caminho…

Descubra baixando o nosso guia, está no final!

Baixe seu ebook gratuito

Agora você saberá exatamente o que fazer com a sua nota do Enem!

Obrigada por ler nosso artigo sobre quais eram os países da União Soviética até o final! 

Boa sorte nos seus estudos!

Redação Beduka
Redação Beduka
Este conteúdo foi criado e validado por uma equipe multidisciplinar, formada por especialistas em cada área do conhecimento. O Beduka está presente no Instagram, YouTube, LinkedIn e em diversos outros ambientes digitais. O site foi criado em 2017 e, desde a sua fundação, atua para fornecer materiais de qualidade para facilitar a vida de estudantes de todo o Brasil, ajudando-os a se preparar para os principais vestibulares e o Enem.