Português

Quais são os tipos textuais?

Quais são os Tipos TextuaisQuais são os Tipos Textuais?

Os tipos textuais são as formas como um texto se apresenta. As principais tipologias textuais são: narração, descrição, dissertação, exposição e injunção.

Se você está com dificuldade de entender sobre quais são os tipos textuais e ainda confunde tipologia textual com gênero textual, então esse texto irá te ajudar no ENEM ou em outro vestibular de sua escolha. Você também pode testar os seus conhecimentos de português e de outras matérias no nosso simulado.

Saiba quais são as regras do uso da vírgula. Aprenda qual a definição de movimento uniforme e tire suas dúvidas sobre o que são funções da linguagem.

Se a prova de Linguagens e suas tecnologias ou a redação te preocupam, você pode se preparar com os nossos conteúdos. Veja o nosso texto sobre o que é um verbo transitivo direto, aprenda sobre o uso da crase e veja os resumos dos livros que caem no vestibular.

Qual a diferença entre tipologia textual e gênero textual?

Antes de falarmos quais são os tipos textuais é necessário deixar claro que tipos e gêneros textuais são dois conceitos muito diferentes, mas que ainda confundem as pessoas.

Os tipos textuais são caracterizados por propriedades linguísticas como tempos verbais, vocabulário, construções frasais, entre outros elementos. Ou seja, podemos afirmar que o tipo textual está relacionado a forma como o texto se apresenta.

O conjunto de regras na elaboração dos textos é o que diferencia e define a tipologia textual. Há apenas 5 tipologias textuais:

  • texto narrativo
  • texto descritivo
  • texto expositivo
  • texto dissertativo-argumentativo
  • texto injuntivo

Já os gêneros textuais possuem função comunicativa e estão inseridos em um contexto cultural. Possuem um conjunto ilimitado de características, que são determinadas de acordo com o estilo do autor, conteúdo, composição e função.

Alguns exemplos de gêneros textuais são: poema, bilhete, entrevista, biografia, entrevista, história em quadrinhos, piada, notícia de jornal, obra teatral, conto, entre tantos outros. São inúmeros os gêneros textuais utilizados em nossas ações sociocomunicativas.

Quais são os tipos textuais?

Para entender melhor o assunto é necessário conhecer os cinco tipos textuais e suas características. Afinal, cada texto tem uma finalidade, podem ser elas:

  1. contar
  2. descrever
  3. argumentar
  4. expor
  5. informar.

Cada um dos tipos textuais possui características bem específicas que serão apresentadas a seguir.

Faça os Exercícios sobre Tipos Textuais para testar os seus conhecimentos sobre o assunto.

Os tipos textuais – Texto narrativo

Essa é a forma mais antiga das tipologias. Vem desde os tempos das cavernas quando o homem registrava seus momentos através dos desenhos nas paredes. Sua principal característica é contar uma história através de uma sequência de ações, seja ela fictícia ou não.

Geralmente ele é escrito em prosa e nele são narrados fatos e acontecimentos.

Elementos do texto narrativo

  • Narrador: É quem narra a história. Há três tipos de narrador: narrador observador, narrador onisciente e narrador personagem.
  • Enredo: Trata-se da estrutura narrativa, ou seja, a trama em que se desenrolam as ações. São classificados em: enredo linear, enredo não linear, enredo psicológico e enredo cronológico.
  • Personagens: São aqueles que compõem a narrativa, sendo classificados em personagens principais e personagens secundários.
  • Tempo: É a marcação de tempo dentro da narrativa, por exemplo, uma data ou momento específico. O tempo pode ser cronológico ou psicológico.
  • Espaço: Local onde a narrativa acontece e se desenvolve. Podem ocorrer num ambiente físico, ambiente psicológico ou ambiente social.

Veja o nosso texto que aborda com mais detalhes os elementos do texto narrativo.

Estrutura do texto narrativo

  • Apresentação: Pode também ser chamada de introdução. Nessa parte inicial do texto o autor apresenta os personagens, o local e o tempo em que desenvolverá a história. É o momento em que o leitor é capturado e envolvido pela narrativa.
  • Desenvolvimento: Nessa parte do texto grande parte da história é desenvolvido com foco nas ações dos personagens. O desenvolvimento é a maior parte da narrativa.
  • Clímax: É o grande momento da narrativa. O clímax designa o momento mais emocionante dela.
  • Desfecho: Pode também ser chamado de conclusão. É determinado pela parte final da narrativa, onde a partir dos acontecimentos, os conflitos vão sendo desenvolvidos.

Tipos de narrador

Os tipos de narrador também podem ser chamados de foco narrativo. O foco narrativo representa a “voz textual” do texto e podem ser classificados em:

  • Narrador observador: A história é narrada em 3ª pessoa. O narrador observador tem conhecimento dos fatos, mas não participa das ações da história.
  • Narrador onisciente: Esse narrador conhece todos os personagens e a trama. A história é narrada em 3ª pessoa, porém quando apresenta fluxo de pensamentos dos personagens, ela é narrada em 1ª pessoa.
  • Narrador personagem: A história é narrada em 1ª pessoa onde o narrador é um personagem e participa das ações.

Exemplos de gêneros textuais narrativos

  • Crônica;
  • Conto;
  • Lenda;
  • Romance;
  • Novela.

Veja o nosso texto sobre o que é crônica e os nosso resumo do romance Iracema.

Os tipos textuais – Texto descritivo

Dando continuidade ao nosso artigo sobre quais são os tipos textuais temos o texto descritivo, que é um tipo de texto que envolve a descrição de algo. Essa descrição pode ser de um objeto, pessoa, animal, lugar, entre outros. Sua intenção é transmitir para quem está lendo as suas impressões e as qualidades de algo.

O texto descritivo capta as impressões, de forma a representar a elaboração de um retrato, como uma fotografia revelada por meio das palavras.

Tipos de textos descritivos

O textos descritivos são divididos em dois subgrupos conforme a intenção do escritor. São eles:

  • Objetivo: Trata-se de uma descrição clara, em que o autor procura descrever de forma exata e realista as características de algo, sem atribuir impressões subjetivas e juízo de valor.
  • Subjetivo: Trata-se de uma descrição em que o autor insere opiniões, sentimentos, sensações e evidencia suas impressões pessoais.

Características do texto descritivo

  • Ausência de ação e relação de continuidade entre as frases;
  • Predomínio de substantivos, adjetivos e locuções adjetivas;
  • Utiliza enumeração e comparação;
  • Presença de verbos de ligação;
  • Verbos flexionados no presente ou no passado.

veja também 5 exercícios de orações subordinadas adjetivas.

Estrutura do texto descritivo

  • Introdução: Apresentação do que se pretende descrever.
  • Desenvolvimento: Caracterização objetiva ou subjetiva da descrição.
  • Conclusão: Finalização da caracterização.

Exemplos de gêneros textuais descritivos:

  • Diário;
  • Currículo;
  • Biografia e autobiografia;
  • Anúncio de classificados.

Conheça a biografia de Eça de Quiroz e leia o resumo do diário: Minha Vida de Menina

Os tipos textuais – Texto expositivo

O texto expositivo tem como objetivo informar sobre um assunto e visa a apresentação de um conceito ou ideia de forma clara, concisa e objetiva, sem expressar qualquer opinião sobre o que é exposto. É de extrema importância que o autor se mantenha imparcial nesse tipo de texto.

Assim como no texto descritivo, o autor pode utilizar recursos da comparação, enumeração e descrição.

Tipos de textos expositivos

  • Texto expositivo-argumentativo: Quando o autor utiliza uma série de argumentos para defender uma ideia. Ou seja, é um texto embasado, que contém muitas informações sobre o assunto, fontes, pesquisas e estudos com o intuito de convencer o leitor sobre algo.
  • Texto expositivo-informativo: Nesse caso, o escritor transmite as informações com o máximo de imparcialidade possível. Seu objetivo é contar um fato sem influenciar as conclusões do leitor.

Exemplos de gêneros textuais expositivos

  • Notícias;
  • Seminários;
  • Palestras;
  • Trabalhos acadêmicos;
  • Enciclopédia.

Os tipos textuais – Texto dissertativo-argumentativo

O texto dissertativo-argumentativo consiste na defesa de uma ideia por meio de argumentos e explicações. Seu principal objetivo é convencer ou persuadir o leitor. É um texto opinativo por natureza e que contém informações que comprovam a veracidade dos argumentos que são utilizados ao decorrer do texto.

Esse é o tipo de texto solicitado na redação do ENEM, cujo tema ronda questões de ordem social, científica, cultural ou política.

Saiba os segredos para a redação perfeita no ENEM e conheça as palavras que enriquecem uma redação dissertativa argumentativa.

Estrutura do texto dissertativo-argumentativo

  • Introdução: Na introdução são mencionados os temas, ou o problema, que são abordados no texto de modo que o leitor se situe. Essa parte deve compreender cerca de 25% da dimensão total do texto.
  • Desenvolvimento: No desenvolvimento todas as ideias mencionadas na introdução devem ser desenvolvidas de forma opinativa e argumentativa.  Essa parte deve compreender 50% da dimensão total do texto.
  • Conclusão: A conclusão deve ser uma síntese do problema abordado, mas com considerações que expressam o resultado do que foi pensado ao longo do texto. Essa parte deve compreender cerca de 25% da dimensão total do texto.

Exemplos de gêneros textuais dissertativos-argumentativos

  • Carta de opinião;
  • Resenha;
  • Artigo;
  • Editorial jornalístico.

Os tipos textuais – Texto injuntivo

Texto injuntivo trata-se de um texto pautado na explicação ou no método para que o leitor concretize algo. Sua função é transmitir para o leitor mais do que simples informações. Tem como objetivo instruir e explicar. Muitas vezes, apresentam verbos no imperativo e visam, além da instrução, a persuasão do leitor. Ao desenvolver um texto injuntivo, o escritor tem um objetivo claro em mente e precisa ser certeiro para que sua mensagem seja recebida como o esperado.

Tipos de textos injuntivos

  • Texto injuntivo-instrucional: Quando o objetivo do autor é instruir o receptor a fazer algo, sem a necessidade de convencê-lo.
  • Texto injuntivo-prescritivo: Quando o objetivo do autor é o de impor algo ao leitor, dando uma ordem ou o persuadindo a fazer ou comprar alguma coisa.

Exemplos de gêneros textuais injuntivos

  • Receita culinária;
  • Manual de instruções;
  • Bula de remédio;
  • Regulamentos.

Gostou de aprender quais são os tipos textuais? Comente e compartilhe. Siga o Beduka no Facebook e no Instagram.

O Beduka te ajuda a passar no vestibular

Além de explicar quais são os tipos textuais, já falamos aqui sobre outros assuntos que caem no vestibular. Por exemplo saiba aqui quais temas já caíram na redação do ENEM, o que são funções da linguagem ou qual a função do núcleo da célula.

O Beduka é um buscador de universidades e cursos superiores reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC) que surgiu em 2017. Aqui em nosso site o estudante pode conferir diversas informações para encontrar a melhor faculdade para a graduação que deseja fazer. Experimente agora!

Se você estiver se preparando para o ENEM, pode ainda testar os seus conhecimentos respondendo algumas questões que caíram em edições antigas do Exame em nosso simulado gratuito.

Além de explicar quais os tipos textuais, nós também detalhamos as atividades de alguns cursos e profissões:

Você acabou de conferir uma breve explicação sobre quais são os tipos textuais, aproveite para descobrir também como estudar história para o ENEM e quais são as melhores faculdades de moda do Brasil.

Gostou do nosso texto sobre quais são os tipos textuais? Compartilhe com os seus amigos e comente abaixo sobre áreas que você deseja mais explicações.

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por pessoas de várias formações, sempre prontas a aprender sobre tudo para publicar os melhores textos e colaborar com a formação de todos os leitores. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador