Filosofia

Assuntos de filosofia que mais caem no ENEM – 6 tópicos imperdíveis

Assuntos de Filosofia que mais caem no ENEMAssuntos de Filosofia que mais caem no ENEM

Muitos estudantes não sabem, mas a prova de Ciências Humanas e suas tecnologias questões muito voltadas à filosofia. Por esse motivo separamos os principais temas dessa matéria!

Neste artigo vamos revelar os assuntos de filosofia que mais caem no ENEM. Saiba especificamente onde se dedicar estudando.

Além das dicas com os assuntos de filosofia que mais caem no ENEM, separamos algumas questões de filosofia que caíram nos anos anteriores, de acordo com cada tópico, para você treinar.

Aproveite e faça também algumas questões de filosofia sobre Platão

Não só sobre filosofia, mas falamos sobre os temas que mais cobrados no ENEM de cada matéria. O artigo está imperdível, não deixe de ler.

Estude para o Enem com o Simulado Beduka. É gratuito!

O número de questões de filosofia no ENEM aumentaram

Não faça como os alunos que deixam a filosofia de lado ao estudar as áreas de humanas para o ENEM.

A cobrança de filosofia no Exame Nacional do Ensino Médio e nos vestibulares cresceu e ela já não pode mais ser desprezada. Nas últimas provas a variação está entre 6 e 10 questões de filosofia. Por isso é bom que você saiba quais são os assuntos de filosofia que mais caem no ENEM.

Filosofia é a mãe de todas as ciências e mesmo com uma aula por semana nos colégios, é bom tirar suas dúvidas e praticar. O gabarito estará no final do artigo.

Ela se relaciona com as questões de história, sociologia e geografia, principalmente. Pode até ser que você resolva uma questão de filosofia e nem perceba que foi ela passando. Porém, a maioria é de temas específicos.

Com conhecimento prévio dos assuntos de filosofia que mais caem no ENEM, principalmente os que foram abordados no Ensino Médio, muito provavelmente você irá reconhecê-los no enunciado da questão e isso te ajudará a marcar a alternativa correta sem dor de cabeça.

Já escrevemos quais são os filósofos que mais caem no ENEM!

6 assuntos de filosofia que mais caem no ENEM

Este é o nosso conjunto de dicas matadoras. A lista com os conteúdos que mais apareceram nas provas dos últimos anos. Cada uma delas foi mapeada e cada questão categorizada.

Nessa pesquisa constatamos que há conteudismo em filosofia. Algumas envolvem interpretação e só depende de uma boa leitura na hora mesmo. Porém, a maior parte exige que você realmente conheça o filósofo e seu tema principal.

Saiba quais são as principais ideias de Karl Marx.

Assuntos de filosofia que mais caem no ENEM –  ÉTICA E JUSTIÇA

Esse tema pode relacionar filosofia e biologia, por causa das questões de ética em pesquisa científica. Também relaciona filosofia, geografia e história por causa da ética em questões sociais e etc.

Em filosofia, ética é a área de estudo e reflexão sobre as ações. Especificamente sobre os princípios que nos levam a agir de uma forma ou de outra, princípios morais sobre o que é certo e o que é errado. A pretensão é ser universal e conseguir descrever os princípios de cada tipo de comportamento.

É da competência da moral abordar os valores e os costumes de cada povo. Como são os valores daquela cultura? São específicos dela ou são de toda a raça humana? Em alguns lugares o que é certo e bom, em outros pode ser mau e ruim. Trata-se de costume ou de moral?

Normalmente a filosofia política também está entre os assuntos de filosofia que mais caem no ENEM, como em sociologia. Autores importantes que falam sobre isso são Aristóteles, Kant, Hegel e Nietzsche.

Temas comuns: senso comum, o conceito de verdade e a formação do indivíduo.

(ENEM 2015) Trasímaco estava impaciente porque Sócrates e os seus amigos presumiam que a justiça era algo real e importante. Trasímaco negava isso. Em seu entender, as pessoas acreditavam no certo e no errado apenas por terem sido ensinadas a obedecer às regras da sua sociedade. No entanto, essas regras não passavam de invenções humanas.

RACHELS, J. Problemas da Filosofia. Lisboa: Gradiva, 2009.

O sofista Trasímaco, personagem imortalizado no diálogo A República, de Platão, sustentava que a correlação entre justiça e ética é resultado de

a) determinações biológicas impregnadas na natureza humana.

b) verdades objetivas com fundamento anterior aos interesses sociais.

c) mandamentos divinos inquestionáveis legados das tradições antigas.

d) convenções sociais resultantes de interesses humanos contingentes.

e) sentimentos experimentados diante de determinadas atitudes humanas.

Assuntos de filosofia que mais caem no ENEM – NATUREZA DO CONHECIMENTO

Em filosofia esta matéria recebe o nome de teoria do conhecimento ou epistemologia. Seu ramo de estudo é a capacidade que o ser humano tem de conhecer as coisas, a realidade, o mundo ao seu redor e até a si mesmo.

Os filósofos que estudam epistemologia querem entender a origem da natureza e como ela muda.

Platão e Aristóteles trataram da teoria do conhecimento, bem como John Locke, Francis Bacon e Immanuel Kant.

Segundo Sócrates, que foi o mestre de Platão, a verdade só é conhecida quando se afasta das ilusões dos sentidos.

A alegoria ou mito da caverna também aborda aspectos do que é conhecer a verdade.

(ENEM 2016) Nunca nos tornaremos matemáticos, por exemplo, embora nossa memória possua todas as demonstrações feitas por outros, se nosso espírito não for capaz de resolver toda espécie de problemas; não nos tornaríamos filósofos, por ter lido todos os raciocínios de Platão e Aristóteles, sem poder formular um juízo sólido sobre o que nos é proposto. Assim, de fato, pareceríamos ter aprendido, não ciências, mas histórias.

DESCARTES, R. Regras para a orientação do espírito. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

Em sua busca pelo saber verdadeiro, o autor considera o conhecimento, de modo crítico, como resultado da

a) investigação de natureza empírica.

b) retomada da tradição intelectual.

c) imposição de valores ortodoxos.

d) autonomia do sujeito pensante.

e) liberdade do agente moral.

Assuntos de filosofia que mais caem no ENEM – DEMOCRACIA E CIDADANIA EM FILOSOFIA POLÍTICA

Alguns pensadores também refletiram sobre a cidadania, que é o exercício do cidadão. mas quem é cidadão? Aquele que tem direitos na vida social, é respeitado em sua dignidade de ser humano livre, pode acessar a educação, a cultura e as decisões públicas.

Aristóteles, Platão, Santo Tomás de Aquino, Maquiavel e Marx conceituaram a política, cada um a seu modo.

Dentre as várias formas de governo existentes, uma delas é a democracia, também pensada na filosofia. Nesse regime os indivíduos são considerados iguais perante a lei e todos têm o direito de ter voz na sociedade, principalmente escolhendo e cobrando os representantes eleitos.

O contratualismo também pode ser abordado nas questões de Locke, Hobbes e Rousseau.

Por fim, temas de atualidades podem aparecer relacionados aos assuntos de filosofia que mais caem no ENEM.

(ENEM 2018) Segundo Aristóteles, “na cidade com o melhor conjunto de normas e naquela dotada de homens absolutamente justos, os cidadãos não devem viver uma vida de trabalho trivial ou de negócios — esses tipos de vida são desprezíveis e incompatíveis com as qualidades morais —, tampouco devem ser agricultores os aspirantes à cidadania, pois o lazer é indispensável ao desenvolvimento das qualidades morais e à prática das atividades políticas”.

VAN ACKER, T. Grécia. A vida cotidiana na cidade-Estado. São Paulo: Atual, 1994.

O trecho, retirado da obra Política, de Aristóteles, permite compreender que a cidadania:

a) possui uma dimensão histórica que deve ser criticada, pois é condenável que os políticos de qualquer época fiquem entregues à ociosidade, enquanto o resto dos cidadãos tem de trabalhar.

b) era entendida como uma dignidade própria dos grupos sociais superiores, fruto de uma concepção política profundamente hierarquizada da sociedade.

c) estava vinculada, na Grécia Antiga, a uma percepção política democrática, que levava todos os habitantes da pólis a participarem da vida cívica.

d) tinha profundas conexões com a justiça, razão pela qual o tempo livre dos cidadãos deveria ser dedicado às atividades vinculadas aos tribunais.

e) vivida pelos atenienses era, de fato, restrita àqueles que se dedicavam à política e que tinham tempo para resolver os problemas da cidade.

Assuntos de filosofia que mais caem no ENEM – FILOSOFIA CONTEMPORÂNEA

A filosofia pós-moderna surgiu após o evento de 1789, mais conhecido como Revolução Francesa. O início se dá no séc XVIII e vai até o XX. Abrange os acontecimentos das Segunda Guerra Mundial, do existencialismo, trata da consolidação do sistema capitalista, da exploração do homem e da desigualdade social.

Neste período temos as produções que abordam a Indústria Cultural,  a Escola de Frankfurt, a sociedade de consumo, a automatização dos meios de produção, a relação do ser humano com o tempo, a efemeridade das coisas, os modos de ser, etc;

Destacam-se entre os pensadores: Friedrich Hegel, Karl Marx, Friedrich Nietzsche, Ludwig Feuerbach e Soren Kierkegaard.

(ENEM 2015) A filosofia grega parece começar com uma ideia absurda, com a proposição: a água é a origem e a matriz de todas as coisas. Será mesmo necessário deter-nos nela e levá-la a sério? Sim, e por três razões: em primeiro lugar, porque essa proposição enuncia algo sobre a origem das coisas; em segundo lugar, porque o faz sem imagem e fabulação; e, enfim, em terceiro lugar, porque nela, embora apenas em estado de crisálida, está contido o pensamento: Tudo é um.

NIETZSCHE, F. Crítica moderna. In: Os pré-socráticos. São Paulo: Nova Cultural, 1999.

O que, de acordo com Nietzsche, caracteriza o surgimento da filosofia entre os gregos?

a) O impulso para transformar, mediante justificativas, os elementos sensíveis em verdades racionais.

b) O desejo de explicar, usando metáforas, a origem dos seres e das coisas.

c) A necessidade de buscar, de forma racional, a causa primeira das coisas existentes.

d) A ambição de expor, de maneira metódica, as diferenças entre as coisas.

e) A tentativa de justificar, a partir de elementos empíricos, o que existe no real.

Assuntos de filosofia que mais caem no ENEM – Filosofia Moderna

Já esta, nasceu no Séc XV, logo no início da idade moderna mesmo. Período do Renascimento e das ciências modernas. O núcleo da filosofia moderna gira em torno do racionalismo ou do empirismo.

O principal expoente dela foi René Descartes, um dos mais cobrados no ENEM. Além dele, também já foram cobrados Francis Bacon, Galileu Galilei e até é aconselhável estudar o empirismo em Isaac Newton com a teoria do Universo Mecânico.

Descartes tentou separar-se da filosofia medieval, separou a filosofia da religião e foi considerado o pai do racionalismo. Ele não desprezava a religião, mas queria que todo tipo de conhecimento estivesse fundado em argumentos científicos. Em suas Meditações, escreveu três provas da existência de Deus, por exemplo.

O iluminismo também é abordado. Junto dele temos Nicolau Maquiavel, Thomas Hobbes, Immanuel Kant e outros.

(ENEM 2013) Mas, sendo minha intenção escrever algo de útil para quem por tal se interesse, pareceu-me mais conveniente ir em busca da verdade extraída dos fatos e não à imaginação dos mesmos, pois muitos conceberam repúblicas e principados jamais vistos ou conhecidos como tendo realmente existido.

MAQUIAVEL, N. O príncipe. Disponível em: www.culturabrasil.pro.br. Acesso em: 4 abr. 2013.

A partir do texto, é possível perceber a crítica maquiaveliana à filosofia política de Platão, pois há nesta a

a) elaboração de um ordenamento político com fundamento na bondade infinita de Deus.

b) explicitação dos acontecimentos políticos do período clássico de forma imparcial.

c) utilização da oratória política como meio de convencer os oponentes na ágora.

d) investigação das constituições políticas de Atenas pelo método indutivo.

e) idealização de um mundo político perfeito existente no mundo das ideias.

Assuntos de filosofia que mais caem no ENEM – Filosofia antiga

Nesta área é que aparecerão os filósofos que são a base da filosofia ocidental: Sócrates, Platão, Aristóteles e Santo Agostinho.

Antes deles, temos também a referência aos pré-socráticos superando as narrativas míticas

Pode haver questões que relacionam diferentes períodos e pensadores. Nietzsche, por exemplo, comentava os pré-socráticos.

Estes tópicos são indispensáveis para ir bem no ENEM em filosofia. Lembre-se, a mãe das ciências se relaciona com todas as outras áreas, pois dela saíram os matemáticos, médicos, historiadores, professores, astrônomos, etc.

Há muita intertextualidade e multidisciplinaridade nos assuntos de filosofia que mais caem no ENEM, logo o seu raciocínio crítico será de suma importância. Preste atenção nos textos base que costumam orientar para a resposta correta e tenha em mente o conhecimento prévio que sugerimos que você estudasse neste post.

(ENEM 2012) Para Platão, o que havia de verdadeiro em Parmênides era que o objeto de conhecimento é um objeto de razão e não de sensação, e era preciso estabelecer uma relação entre objeto racional e objeto sensível ou material que privilegiasse o primeiro em detrimento do segundo. Lenta, mas irresistivelmente, a Doutrina das Ideias formava-se em sua mente.

ZINGANO, M. Platão e Aristóteles: o fascínio da filosofia. São Paulo: Odysseus, 2012 (adaptado).

O texto faz referência à relação entre razão e sensação, um aspecto essencial da Doutrina das Ideias de Platão (427 a.C.-346 a.C.). De acordo com o texto, como Platão se situa diante dessa relação?

a) Estabelecendo um abismo intransponível entre as duas.

b) Privilegiando os sentidos e subordinando o conhecimento a eles.

c) Atendo-se à posição de Parmênides de que razão e sensação são inseparáveis.

d) Afirmando que a razão é capaz de gerar conhecimento, mas a sensação não.

e) Rejeitando a posição de Parmênides de que a sensação é superior à razão.

Veja como se aborda ideologia na filosofia

Gostou? Diariamente fazemos publicações novas que podem te ajudar. Por isso, não perca nada. Siga o Beduka no Facebook e no Instagram.

Aprenda muito mais com o Beduka!

Faça simulados para o ENEM e leia muitas matérias com dicas para os vestibulares no nosso blog. Também falamos sobre as profissões, sobre os cursos universitários e muito mais. Além dos assuntos de filosofia que mais caem no ENEM, temos também os temas mais cobrados de cada matéria.

Saiba no nosso site a nota de corte do SISU e do PROUNI para cada curso em cada faculdade de uma forma super fácil! Acesse Beduka.com

Temos um canal no YouTube com vários profissionais explicando como é viver a profissão escolhida no dia a dia e ainda dizendo como está o mercado.

O Beduka é um buscador de faculdades e cursos totalmente online e gratuito. Faça sua busca já! Encontre o melhor lugar para você estudar, com as melhores avaliações do MEC e dos alunos.

Veja também os valores das mensalidades das instituições, seja presencialmente ou EAD.

Gabarito das questões

1 – d

2 – d

3 – b

4 – c

5  – e

6 – d

Queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Experimente agora!

Redação Beduka
Redação Beduka
A equipe de redação do Beduka é composta por pessoas de várias formações, sempre prontas a aprender sobre tudo para publicar os melhores textos e colaborar com a formação de todos os leitores. Sinta-se a vontade para deixar o seu comentário!

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador