Literatura

Quem foi Maria Firmina dos Reis? Biografia, obras, características e muito mais.

Quem foi Maria Firmina dos ReisQuem foi Maria Firmina dos Reis
Simulado Beduka

Maria Firmina dos Reis foi uma importante escritora maranhense do século XIX. Autora do primeiro romance afrodescente do Brasil, permaneceu esquecida por cerca de um século. Nesse artigo, você vai descobrir quem foi Maria Firmina dos Reis, terá acesso a sua biografia, principais obras e muito mais!

Neste texto, você terá acesso a tudo sobre quem foi Maria Firmina dos Reis. Tem bastante conteúdo pela frente, então clique em um dos tópicos para ir diretamente ao que deseja saber:

  1. Quem foi Maria Firmina dos Reis?
  2. Úrsula: primeira e principal publicação da autora
  3. Qual o contexto histórico em que Maria Firmina dos Reis viveu?
  4. Quais as características da escritora Maria Firmina dos Reis?
  5. Lista de todas as publicações da autora Maria Firmina dos Reis
  6. Quer entrar na faculdade? Conheça a chance perfeita

Você está se preparando para o Enem? Se a resposta for sim, saiba que acabamos de lançar  o Plano de Estudo Beduka 2022. Ele está maravilhoso e vai te ajudar demais nessa jornada! 

Quem foi Maria Firmina dos Reis?

Maria Firmina dos Reis foi uma escritora maranhense que permaneceu por cerca de 100 anos no anonimato.  Seu nascimento foi na ilha de São Luís, em 11 de outubro de 1822. No ano da independência do Brasil.

O compromisso com a independência, tanto na esfera pessoal quanto na social e profissional, fez parte de todos os anos da sua existência.  

A autora participou ativamente do cenário educacional, iniciando sua carreira como  professora concursada do Maranhão. Atuou por muitos anos em uma escola de educação primária.

Em 1880, misturou meninos e meninas em sala de aula pela primeira vez no país. Na época, isso era algo totalmente subversivo (desafiava o contexto do período). Logo, não demorou para que a escola fundada pela autora tivesse que fechar as portas.

Você já deve ter percebido que naquele tempo nada era muito favorável a quem foi Maria Firmina dos Reis. Uma mulher, professora e escritora com um olhar crítico e inovador. 

Essas mesmas características que a fizeram permanecer por muito tempo longe dos holofotes literários, a fariam ter seu nome e obras consolidadas a partir da década de 60. Como dissemos anteriormente, cerca de 100 anos depois!

Vou te contar como aconteceu…

Reconhecimento e primeira publicação

Em 1962, um historiador chamado Horácio de Almeida resolveu fazer mais uma de suas peregrinações pelos sebos da cidade. Foi quando se deparou com a primeira publicação da autora, o romance “Úrsula”. 

Por sinal, devido a essa produção, Maria Firmina é considerada autora do primeiro romance afro-brasileiro.

Voltando ao início de sua ascensão póstuma, Horácio comprou a publicação e atestou a qualidade de seus escritos. Isso fez com que Maria Firmina começasse a ser redescoberta pelos críticos e cenário da literatura em geral.

Assim, importantes editoras reeditaram e publicaram “Úrsula”. Infelizmente , ela não conseguiu o devido reconhecimento em vida, muito menos um retorno financeiro. Viveu e faleceu em condições financeiras e de saúde desfavoráveis. 

Não tem como se aprofundar sobre quem foi Maria Firmina dos Reis sem conhecer melhor a sua principal publicação. Veja no próximo tópico.

Úrsula: primeira e principal publicação da autora

Publicado pela primeira vez em 1959,Úrsula” foi o livro de estreia da autora Maria Firmina dos Reis. Apesar de não ter representado um reconhecimento literário em vida, é a obra que a consagrou como escritora quase um século depois.

Trata-se de um romance abolicionista. Hoje, muitos estudiosos consideram a obra o primeiro romance publicado por uma mulher afrodescendente no Brasil. Além disso, o livro é pioneiro em abordar sem ressalvas o abolicionismo, antes mesmo dos escritos de Castro Alves.

O autor teve publicada sua primeira produção literária sobre a escravidão, um poema, apenas em 1963.

Em Úrsula, além da crítica principal (ao racismo e à escravidão), também é possível identificar críticas nada sutis ao patriarcado e ao machismo presente na sociedade brasileira desse período. 

O cenário literário não escapou da indignação de Maria Firmino. Afinal, parte dele, possuía as mesmas características inaceitáveis presentes no resto da sociedade.

Abaixo, é possível constatar isso em um dos trechos do livro: 

“Mesquinho e humilde livro é este que vos apresento, leitor. (…) Sei que pouco vale este romance, porque escrito por uma mulher, e mulher brasileira, de educação acanhada e sem o trato e a conversação dos homens ilustrados (…)”

Em 1988, uma editora carioca responsável por publicar grandes clássicos da literatura brasileira, lançou Úrsula. Com essa publicação da Montecristo Editora, o nome de Maria Firmina chegou ao sudeste e sul do Brasil.

Foi assim, que o livro passou a ser classificado como pertencente ao Romantismo Brasileiro. Ele é fundamental para compreender quem foi Maria Firmina dos Reis.

Quer conhecer o enredo da obra? Então, essa é a hora! Temos um resumo completo de Úrsula, mais análise! 

Qual o contexto histórico em que Maria Firmina dos Reis viveu?

Quando tratamos da questão sobre quem foi Maria Firmina dos Reis, nos deparamos logo com um fato histórico presente no ano de seu nascimento. Estou falando de 1822, quando finalmente o país deixou de ser colônia de Portugal, ou seja,  da Independência do Brasil.

Beduka Bolsas Direito

Infelizmente, após isso, nem tudo foi flores. A escravidão que teve inicío por volta de 1530 perdurou até maio de 1988, o ano da abolição. Sendo assim, a escritora passou décadas de sua vida convivendo em meio a esse contexto.

Por sinal,é importante enfatizar que “Úrsula”  foi publicado antes da Lei Áurea.  Além disso, Maria Firmina também precisou enfrentar o patriarcado presente na época.

Para aprender mais sobre escravidão que assolou o Brasil, leia os artigos abaixo:

De uma forma simples, o patriarcado consiste na presença e domínio do homem nas mais diversas esferas sociais. Isso não se resume à família, muito pelo contrário. Por exemplo, ele estava fortemente presente no cenário literário.

Na época, a ascensão social de uma mulher era muito mais difícil. Havia a predominância de escritores homens, além de maioria branca. O fato é que, para quem foi Maria Firmina dos Reis, essas eram circunstâncias muito difíceis de lidar.  

Quais as características da escritora Maria Firmina dos Reis?

Primeiro, para entendermos melhor quem foi Maria Firmina dos Reis e suas características, é preciso saber que o período de sua produção corresponde a terceira fase do Romantismo. Sendo assim, a autora e suas obras também possuem traços desse período.

Esses traços podem ser observados em Úrsula, sua principal produção. Na obra, temos um casal branco (Tancredo e Úrsula) que vive um amor cheio de obstáculos para se concretizar.

Entre esse contexto romântico, a autora “imprimiu” seu perfil inovador, considerado único para a época. Como ela fez isso? 

Inserindo na produção críticas à escravidão e ao patriarcado, apoio ao abolicinismo e dando voz a personagens negros por meio da narração. 

Esses personagens não eram meros coadjuvantes do livro, muito pelo contrário, receberam um importante e envolvente protagonismo. Por meio da narrativa, eles têm participação ativa nas críticas que permeiam o enredo. 

O indianismo também fala muito sobre quem foi Maria Firmina dos Reis. Em uma de suas obras, a autora segue essa vertente bastante comum na escola literária de sua época. Estamos nos referindo ao livro Gupeva.

Maria Firmina também escreveu poemas. 

Lista de todas as publicações da autora Maria Firmina dos Reis

Agora que você já sabe quem foi Maria Firmina dos Reis, fica bem mais fácil entender suas obras. 

Todas essas produções apresentam uma inquietação a respeito das injustiças presentes na sociedade da época. Veja a lista completa:

  • Úrsula — romance (1859)
  • Gupeva — romance (1861)
  • Parnaso maranhense — coletânea de poemas junto com outros autores (1861)
  • A escrava — conto (1887)
  • Cantos à beira-mar — poesias (1871)
  • Hino da libertação dos escravos (1888)

Quer entrar na faculdade? Conheça a chance perfeita

Eu quero te perguntar! Já pensou em fazer uma faculdade?

Se esse é seu sonho, você está no lugar certo. Agora, se não for, vou te dar três motivos para se tornar:

  • Mais chances no mercado de trabalho
  • Aumento da rede de contatos
  • Melhoria de salário

Tudo isso sem precisar fazer prova e totalmente desvinculado do Enem. 

Estou falando do Beduka Bolsas! Nessa plataforma, você tem chance de ganhar bolsas de 65% para vários cursos, cidades e modalidades.

Basta escolher a bolsa para o curso dos seus sonhos e gerar a sua Carta Matrícula. Pronto! Já pode estudar. E você pode fazer isso em qualquer época do ano. Estudar nunca foi tão fácil! 

Independente de qualquer coisa,  saber quem foi Maria Firmina dos Reis é muito importante para entender diversas características históricas e sociais do país. E, esse é nosso papel, preparar conteúdos sobre assuntos importantíssimos e de uma forma super fácil de compreender.

No mais, ainda queremos te ajudar a encontrar a FACULDADE IDEAL! Logo abaixo, faça uma pesquisa por curso e cidade que te mostraremos todas as faculdades que podem te atender. Informamos a nota de corte, valor de mensalidade, nota do MEC, avaliação dos alunos, modalidades de ensino e muito mais.

Simulado Beduka

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador