História

O que era o sistema feudal? Características, origem e crise

O que era o sistema feudal?O que era o sistema feudal?
Simulado Beduka

A Idade Média foi um período de mil anos que tinha uma organização social e econômica bem diferente da nossa. A base dela era o feudo, um tipo de estrutura econômica agrária. Saiba o que era o sistema feudal, um dos assuntos de história mais importantes para o Enem!

Se você quiser ir diretamente para alguma parte do texto, clique em um dos tópicos abaixo:

Está estudando para o Enem? Podemos te ajudar com isso. Faça o Simulado do Beduka. É gratuito!

O que era o sistema feudal?

O sistema feudal, ou feudalismo, foi a forma de organização social e econômica que esteve em vigor na Europa medieval. Seu ápice se deu entre os séculos XI e XV, quando começou a entrar em decadência.

A base do sistema feudal era o feudo, que se referia a grandes extensões de terra cujos proprietários eram chamados de senhores feudais. As terras eram trabalhadas por camponeses, que estabeleciam uma relação de dependência com os senhores.

O senhor feudal deveria oferecer proteção aos camponeses, enquanto eles lhe davam parte dos rendimentos do cultivo das terras e cumpriam outras obrigações que veremos mais tarde.

Mas antes, vamos conhecer o que deu origem ao sistema feudal.

Qual é a origem do sistema feudal?

O sistema feudal surgiu na passagem da Antiguidade para a Idade Média, após a invasão germânica nos territórios dominados pelo Império romano.

O império era constituído de cidades, mas com as invasões a população se mudou para o campo. Além disso, houve também uma crise que retraiu as atividades comerciais, fazendo as moedas perderem espaço de circulação. A produção agrícola se tornou de subsistência.

Tudo isso levou à ruralização da população do império e posteriormente se tornou no que era o sistema feudal. A dominação germânica fez com que os costumes romanos se transformassem, recebendo novas formas sociais e culturais.

Segundo Jacques Le Goff, um dos mais importantes especialistas na Idade Média, a sociedade feudal tem quatro fontes: uma grega, outra romana, a Bíblia e a divisão tripartite indo-europeia.

Esta última está por trás da divisão tradicional que se faz da sociedade feudal em três estamentos sociais: a nobreza, o clero e os plebeus.

Quais eram as características do sistema feudal?

O feudo, como dito acima, era a grande extensão de terra que pertencia a um senhor e era cultivada por camponeses ligados a ele.

No começo, a palavra feudo significa algo próximo do que chamamos hoje de salário. Era o pagamento por algum serviço realizado por um cavaleiro. Porém, com o tempo, isso foi se transformando e se tornou a base da sociedade.

Vamos conhecer mais dessa estrutura.

Características da sociedade feudal

Para entendermos melhor o que era o sistema feudal, precisamos saber o que era a sociedade que o mantinha. 

A sociedade feudal era formada por estamentos. Nela estavam os nobres, o clero e os plebeus.

A nobreza tinha a função de governo, o clero dominava espiritualmente e ideologicamente a sociedade, os plebeus trabalhavam e pagavam tributos aos senhores feudais. Estes últimos podiam ser tanto nobres quanto clérigos.

O nascimento definia a posição social no feudalismo e era muito difícil existir uma movimentação entre estamentos, apesar de acontecer. O clero, por exemplo, era formado por pessoas nascidas nos outros dois. Houve até mesmo papas nascidos em família plebéia.

Os senhores feudais eram ligados entre si pela relação de vassalagem. Nela, o indivíduo que recebia um feudo prestava homenagem a quem lhe concedia a terra e jurava fidelidade.

Como os senhores feudais detinham o poder total dentro de seus feudos, podemos dizer que o sistema feudal era descentralizado. De modo geral, eles impunham certas obrigações aos servos em seus domínios, como:

Beduka Bolsas Direito
  • Corveia: obrigação de trabalhar em dias determinados da semana nas terras do senhor;
  • Talha: o servo deveria entregar parte de sua produção ao senhor feudal;
  • Banalidades: tributos pagos em dias festivos ou ao utilizar instalações do feudo, como o moinho;
  • Mão morta: taxa paga para permanecer na terra quando o chefe da família morria.

Como era a economia feudal?

A economia feudal era predominantemente agrícola. O cultivo da terra se dava pelo processo de rotação, que consistia em usar um terço da terra e deixar os demais em repouso para ser utilizada após a colheita.

A pecuária também foi desenvolvida pelos medievais com diversas formas de criação e pastoreio. O gado era usado como força de tração para arar a terra, girar as moendas e no transporte dos alimentos.

O comércio ficou retraído e a moeda perdeu valor. Assim, os feudos realizavam o escambo, que era a troca de excedentes de produção entre si.

Como era a política feudal?

A política no feudalismo era descentralizada, mas os senhores tinham de prestar auxílio aos reis a que estivessem ligados. O poder secular e o religioso estavam muito próximos e alguns feudos eram governados por monges.

Quando o sistema feudal chegou ao fim?

Já sabemos o que era o sistema feudal, mas a gente não vê mais nada dele por aí, não é? Isso é porque ele entrou em crise.

A crise do sistema feudal teve início no século XII. As cidades começaram a ressurgir após um longo período de abandono, houve um aumento demográfico significativo e também o aumento da produção agrícola.

Após as Cruzadas e as guerras de reconquista realizadas pelos reinos cristãos contra a ocupação muçulmana, viu-se o ressurgimento do comércio.

As cidades trouxeram o surgimento de uma nova classe, a burguesia. Foi ela quem financiou expedições ao oriente em busca de especiarias e a expansão marítima que levou à formação dos impérios europeus.

A cultura clássica voltou a ser valorizada por influência dos humanistas, o que fez a Igreja perder influência sobre as pessoas.

Com o aumento das guerras no século XIV, os reis detiveram mais poder, quebrando a estrutura descentralizada feudal e abrindo espaço para a formação do Estado-nação.

Essas transformações caracterizam o Renascimento e fundamentam a saída da Idade Média para a Idade Moderna.

O Beduka te conecta à faculdade!

E aí, gostou de saber o que era o sistema feudal? Bem diferente de hoje, onde temos um sistema bem mais aberto e você pode optar pela carreira que vai seguir!

E sabe quem quer te ajudar nisso? Nós do Beduka!

A Igreja inventou a universidade na Idade Média, mas nós vamos te dar uma bolsa de estudos em 2022!

Para isso, basta você acessar o Beduka Bolsas, uma plataforma feita com o objetivo de ofertar bolsas até 65% em faculdades de excelência pelo Brasil!

Ela fica aberta 24 horas por dia. Se você quiser, pode comprar uma bolsa agora mesmo. Não é legal?

E já que estamos falando de gestão, saiba que comprando uma bolsa, você pode conseguir mais de 3 mil reais de economia. É uma oportunidade única!

Fique por dentro das novidades sobre o Enem e universidades com nosso perfil no instagram.

Obrigado por ter lido até aqui!

Simulado Beduka

Sisu

Enem

Matérias

Simulado

Buscador